Negócio de localização geográfica explode com o iPhone

Latitude, LBS do GoogleNão é necessário ser nenhum fã de carteirinha da Apple para entender que a fabricante tem a capacidade de dirigir o mercado para uma determinada tendência. É o caso da tecnologia de localização geográfica em dispositivos móveis, como a ofertada pelo iPhone. Agora os números comprovam: a quantidade de aplicativos que usam o recurso é expressiva e já ultrapassou a casa dos milhares.

Menos de um ano atrás, a Apple apontava que existiam 500 aplicações com recurso de localização, o chamado location-based services (LBS). Oficialmente, a oferta já subiu para mais de duas mil, e isso sem contar os aplicativos “não oficiais”.

Para se ter uma ideia, a consultoria ABI Research aponta que o mercado dessa tecnologia deverá girar em torno de US$13 bilhões em 2013. Em 2008, esse mesmo nicho movimentou US$515 milhões.

Outro ponto que comprova o crescimento da LBS é o recente interesse do Google no setor. O seu recém-lançado Latitude oferece recursos de localização sem cobrar nenhuma taxa da fabricante do dispositivo. A Skyhook Wireless, fabricante do sistema usado pelo iPhone, tem um plano de licenciamento por dispositivo.

Apps de geolocation no iPhone

Independentemente do sabor da aplicação, tudo indica que a Apple novamente se antecipou a uma tendência.

[Via: GigaOM.]

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes