Nova tecnologia da Swype para escrita em touchscreens está prestes a chegar ao mercado [atualizado]

Criada pelo inventor do sistema de escrita T9 (usado em muitos celulares que não possuem teclados QWERTY), a Swype criou um novo meio para entrada de texto em telas sensíveis ao toque, bastante interessante para casos em que elas são bem pequenas — como em alguns smartphones que conhecemos atualmente.

A base da sua implementação, diferente do que muitas fabricantes fazem nesse meio (dentre elas a Apple), é permitir ao usuário que trace um caminho pelas letras na ordem correta em que elas formam palavras, em vez de apenas oferecer um teclado virtual para toques sucessivos.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=pTooBnKAdSw[/youtube]

O primeiro produto a oferecer suporte a essa tecnologia é a segunda geração do Samsung Omnia, um Windows Phone que estará disponível para compra a partir de 2 de dezembro nos Estados Unidos. O vídeo que vocês podem assistir acima demonstra a agilidade da digitação com a tecnologia da Swype em comparação com um iPhone, mas poderia ser qualquer aparelho no mercado com escrita baseada em touchscreen.

Greg Kumparak, do MobileCrunch, diz ter experimentado a tecnologia da Swype e ficou satisfeito com suas possibilidades. É fácil e rápido digitar, mas ainda assim eu acredito que uma pessoa pode digitar mais rápido em um gadget da Apple (ou qualquer outro smartphone) do que o anunciado pelo vídeo acima.

O Omnia II já está disponível em alguns países, mas a edição com Swype é especial da Verizon Wireless nos Estados Unidos. Seu preço sugerido é de US$200 com contrato de dois anos, mas ele não será o único com suporte a essa sistema de escrita — outros virão em 2010, inclusive com Android.

Atualização

Alguns leitores nos informaram por meio dos comentários sobre a existência de um aplicativo chamado ShapeWriter, que já entrega praticamente a mesma coisa existente na tecnologia da Swype para o iPhone e também para o Android. Embora ele tenha sido lançado primeiro, seus recursos vieram de uma ideia antiga, iniciada na IBM e posteriormente implementada em um software chamado WritingPad, já comentado aqui no MacMagazine.

Este software tornou-se o ShapeWriter que conhecemos hoje. No entanto, o seu objetivo no iPhone é agir em conjunto de um aplicativo de notas, e não como uma tecnologia system-wide para dispositivos móveis. Apesar de existir uma enorme semelhança que pode gerar até um processo grave para a Swype, a solução dela realmente chegará ao mercado primeiro com o Samsung Omnia.

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes