Flash Player 10.1 será mais rápido no Mac OS X para animações gráficas

É fato que o Flash Player vem sendo muito comentado recentemente por não ter sido integrado ao iPad e ter sido criticado por Steve Jobs, mas, em meio a respostas e promessas dos executivos da Adobe, não há como continuar registrando o fogo cruzado da empresa com os usuários e deixar de mencionar que mudanças estão acontecendo. Apesar de nenhum representante dela ter aparecido para falar melhor de novidades com referência ao Mac OS X, um engenheiro da equipe responsável pelo plugin publicou um artigo contendo detalhes de como gráficos e multimídia são exibidos em plugins do sistema, citando ainda o que a Adobe está fazendo para melhorar sua situação na plataforma de computadores da Maçã.

No Mac OS X, a Apple permite que conteúdo seja processado localmente por plugins de quatro maneiras. A mais usada é QuickDraw, uma tecnologia gráfica que nasceu com o Mac OS Clássico e até hoje é empregada pelo Flash Player para animações 2D — convém lembrar que ela apenas é usada pela Adobe por ser a única suportada por _todos_ os browsers além do Safari; se ela pudesse, já teria substituído o QuickDraw por outra coisa. O fato é que a Apple não recomenda mais a programação gráfica com esse tipo de tecnologia, pois aplicativos em 64 bits não são capazes de processar gráficos criados dessa forma.

Atendendo aos requisitos da criadora do Mac OS X, a Adobe conseguiu adotar o Quartz 2D no Flash Player 10, que é uma tecnologia gráfica bem mais avançada e suporta aceleração de hardware (exceto para vídeos), além de poder ser usada em plugins para 64 bits. Entretanto, o suporte a Quartz acabou limitado ao Safari, pois aplicativos como Firefox e Opera não foram adaptados para processar gráficos com nenhuma outra tecnologia além de QuickDraw — em poucas palavras, é por isso que a melhor experiência de uso do Flash Player no Mac é atualmente oferecida pelo Safari. Um terceiro método de processamento local de conteúdo por plugins é OpenGL, mas nenhum browser suporta esse sistema atualmente.

Para o futuro, a Apple já deixou claro que a melhor tecnologia do Mac OS X para animações é Core Animation, pois torna fácil e eficiente a criação de interfaces ricas de usuário dentro de aplicativos e (como novidade no Safari 4 o Snow Leopard) plugins. É devido a isso que, para tentar oferecer uma melhor performance e experiência de uso do Flash Player no sistema da Apple, a Adobe decidiu adotar essa tecnologia na sua versão 10.1, possibilitando o processamento de animações gráficas de uma forma muito mais eficiente — e com aceleração de hardware para quase todas as situações.

De acordo com o engenheiro da Adobe que cedeu essas explicações, o Flash Player 10.1 é aproximadamente 50% mais rápido no Safari do Mac OS X em relação à versão anterior, o que comprova ainda a sua superioridade em relação ao Windows para animações gráficas. Isso é suficiente para dizermos que ele deverá diminuir significativamente a quantidade de queixas dos usuários, mas o problema é que, para tirar proveito da maior performance, todos os usuários teriam que usar o próprio browser da Apple, sem falar que nenhum desses avanços se aplica à polêmica questão dos vídeos.

Mesmo assim, as melhorias que a Adobe está propondo para a próxima versão do Flash são satisfatórias e deverão chamar a atenção de outras desenvolvedoras de navegadores além da Apple, a fim de que adaptem os seus recursos gráficos para tirar proveito desses benefícios — que você pode conferir agora. No Safari, o plugin agora é totalmente baseado em Cocoa, mas outros navegadores ainda deverão usá-lo por meio de uma interface em Carbon.

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes