Apple deverá continuar usando mapas do Google no iOS 5; veja um app que os leva a outro nível

Com as aquisições da Poly9 e da Placebase, a Apple teoricamente angariou material o bastante para dar seu grito de independência em relação aos mapas do Google para o app nativo Maps, no iOS. Contudo, fontes do 9 to 5 Google (não, não escrevi errado) acreditam que ainda não vai ser desta vez que a Maçã vai usar a munição que andou acumulando.

Localização marcada no Maps do iOS

Há a possibilidade de estas aquisições serem apenas um “plano B” para o caso de ser preciso andar com as próprias pernas — afinal de contas, Android vai, Android vem… nunca se sabe. Contudo, uma revelação quase involuntária durante toda a controvérsia do “Locationgate” deixou um quê de mistério no ar: o que seria o tal “serviço de direções aprimorado” que está em desenvolvimento?

Bem, o que quer que seja, é pouco provável que venha à tona no iOS 5.

· · ·

Maps+ no iPhoneJá que falamos de mapas, que tal tirar o máximo proveito dos que já estão embutidos no iOS? O Maps+, da IZE, traz justamente recursos para enriquecer imensamente o que é possível fazer com os mapas do Google: grave rotas de GPS, crie alarmes baseados na sua localização, veja tweets próximos de você… enfim, é possível fazer muitas coisas interessantes com este app!

Um aspecto legal é que ele é gratuito na App Store [universal; 6,7MB; requer o iOS 4.0 ou superior], mas somente com os recursos mais básicos liberados (por exemplo, só é possível criar um marcados, um alarme, etc.). Para liberar todas as funcionalidades, é preciso fazer uma In App Purchase de US$3.

Veja desta forma: é como baixar uma versão trial, e só é preciso pôr a mão no bolso se você gostar. 😉

[via MacStories]

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes