Seria a Apple capaz de criar um sistema para troca de mensagens, dispensando Twitter e SMS?

Apple e TwitterÉ interessante que Anil Dash esteja cogitando a possibilidade de a Apple eventualmente lançar um serviço próprio de troca de mensagens: a gigante de Cupertino tem basicamente toda a infraestrutura necessária para lançar um “iTwitter”, por assim dizer. Software em milhões de Macs, PCs e gadgets móveis, um serviço de larga escala para notificações em tempo real (Apple Push Notifications), cadastros de milhões de pessoas (bônus: cartões de crédito!), experiência no desenvolvimento de apps clientes e a capacidade ímpar de atrair artistas e formadores de opinião.

Por que não fazer isso tudo se direcionar a um serviço de troca de mensagens que não dependa de terceiros? Afinal de contas, ninguém gosta do que as operadoras cobram por SMSs e pode ser que um dia a Fail Whale venha pra ficar.

Enquanto isso, MG Siegler acredita que o passo lógico seria criar uma espécie de “FaceTime sem Face”. Existem diversos apps que suprem essa necessidade, mas talvez seja preciso a Apple criar (ou comprar) algo para unificar o sistema — ou seja, acabar com a fragmentação entre os vários serviços de comunicação que existem hoje.

(Aliás, um pouco OT, isso me lembra a personagem da Drew Barrymore em Ele Não Está Tão Afim de Você reclamando que hoje em dia é cansativo “ser rejeitada por sete tecnologias diferentes”. Heh, sempre me faz rir.)

Será que a conversa de “integração com o Twitter no nível do sistema” tem algo a ver com isso?

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes