Estudo indica que revistas poderão sobreviver à transição para meios digitais; jornais, não

A indústria editorial está passando por um momento delicado — tanto que se você fizer uma cara feia pra um profissional do ramo, é capaz de ele chorar. O maior problema está sendo convencer as pessoas a pagar por informações que estão, de uma forma ou de outra, disponíveis gratuitamente e em tempo real na internet.

Segundo a Forbes, um estudo da PricewaterhouseCoopers indica que, nesta jornada de vender edições digitais para tablets e cobrar pelo acesso a sites, as revistas estão diante de um futuro bem mais promissor que os jornais.

Crescimento de revistas e jornais - PricewaterhouseCoopers

A firma de análises estima que versões digitais de revistas à venda na América do Norte deverão crescer de US$4 milhões em 2010 para espantosos US$611 milhões em 2015. (Eu me pergunto o quanto disso não será resultado da Newsstand…) Enquanto isso, jornais deverão ver um crescimento bem menor, de US$150 milhões em 2010 para US$331 milhões daqui a quatro anos.

Vale destacar que ambos os prospectos seriam animadores — muito mais, no caso das revistas, mas ainda assim seriam duas notícias positivas. O problema é quando levamos em conta o declínio das edições impressas: no caso dos jornais, espera-se que a renda da circulação tradicional caia de US$10,2 bilhões para US$9,5 bilhões, enquanto revistas terão uma queda de US$9,2 bilhões para US$8,8 bilhões. Fazendo as contas, enquanto os ganhos líquidos das revistas serão de US$162 milhões na transição do papel para os bits, os jornais verão uma queda de quase US$520 milhões.

Qual seria a causa para isso? Se eu tivesse que apostar, diria que é uma questão de foco: revistas normalmente falam tudo de quase nada (só moda, só tecnologia, só esportes…), enquanto jornais trazem quase nada sobre tudo (notícias bem superficiais sobre todos os assuntos). Creio que essa diferença pode influenciar na capacidade de cada ramo conseguir atrair leitores dispostos a abrir a carteira. E você, o que acha?

[via Cult of Mac]

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes