Apple negocia aquisição da marca “AirDrop”; aproveita e protege logo “Photo Stream”

Marcas são uma coisa séria — a iCloud Communications que o diga… Por conta disso, a Apple tem adotado uma postura bem agressiva ao escolher os nomes para seus lançamentos, que é de fazer acordos com os detentores o mais rápido possível — até antes de anunciar qualquer coisa, se for viável.

Certificado de transferência da marca AirDrop

Daí, não é de espantar que os advogados de Infinite Loop tenham tratado de adquirir logo da Urban Airship a marca “AirDrop”, referente a um produto de distribuição de apps Android (pode ser que este link pare de funcionar ou vá bater no Apple.com a qualquer momento, vale notar). Agora que a marca foi devidamente transferida, o negócio é esperar uma convivência pacífica com outras pessoas que a usam.

Mas, só por via das dúvidas, também foi feito um pedido de registro na China — o qual, espantosamente, menciona um outro pedido, feito no começo do ano na Jamaica. Além de proteger o nome de seu novo sistema de transferência de arquivos entre Macs, a Maçã registrou no Canadá a marca “Photo Stream”, referente a um dos serviços providos pelo iCloud no OS X Lion e iOS 5.

[via Patently Apple]

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes