Analista aposta na chegada de um iPhone 4S de US$350 voltado para o mercado pré-pago [atualizado]

Como agora a mídia não tem mais o iPhone CDMA para povoar seus devaneios mais selvagens, o novo queridinho dos rumores parece ser o iPhone “nano”, que teria uma coisa bem menor que o modelo tradicional: o preço. Chris Whitmore, do Deutsche Bank, comentou hoje com investidores a possibilidade de a Apple lançar um novo smartphone muito mais barato que o atual e livre de contrato, para atacar o vasto mercado pré-pago.

Mercado pré-pago de telefonia celular

A aposta é que um iPhone 4S poderia ter seu hardware assemelhado ao de um iPod touch, apenas com o acréscimo de antenas de celular, e ser vendido com uma saudável margem de lucro superior a 50%. Estima-se que o iPhone 4 de US$650 tenha uma margem de 70%, enquanto a do iPod touch ficaria em torno de 38%. A chegada deste modelo mais barato não impediria o lançamento de um possível iPhone 5, servindo basicamente como um incremento puro às receitas da companhia.

Atualmente, o foco do smartphone da Apple tem sido os mercados de telefonia pós-pagos, nos quais o preço inicial do aparelho pode ser reduzido por contratos com operadoras. A produção de um smartphone direcionado ao setor pré-pago praticamente triplicaria a quantidade de potenciais clientes da Apple, especialmente na África, na Ásia e na América Latina. Se fosse fabricado localmente, tal modelo de iPhone teria potencial para se tornar o smartphone mais popular do Brasil.

[via AppleInsider]

Atualização (às 22h42)

Horace Dediu, do asymco, fez um gráfico semelhante ao mostrado acima, mas, em vez de usar números relativos, aplicou valores absolutos para demonstrar visualmente o tamanho do mercado que a Apple poderia atacar com um iPhone pré-pago de baixo custo.

Mercado de telefonia pré-pago - asymco

Como é possível notar facilmente, há um imenso mercado a ser explorado, e Dediu aponta que uma chave para permitir isso é a evolução do hardware: tendo chegado ao ponto em que a performance é praticamente “boa o bastante”, o iPhone pode muito bem deixar de apenas crescer e começar a amadurecer como produto.

Um mercado com 5 bilhões de possíveis clientes está aí para ser conquistado.

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes