Analista aposta que iPhone 3GS continuará sendo o modelo de entrada, só que gratuito com contrato

Alguns analistas estão apostando na chegada de um novo iPhone mais barato para abocanhar o vasto mercado pré-pago, mas Mike Abramsky, analista da RBC Capital, resolveu tomar uma postura diferente: ele acredita que a Apple deverá continuar vendendo o modelo 3GS, só que tornando-o gratuito com um contrato de dois anos ou vendendo-o desbloqueado por US$400. Essa aposta é equivocada em diversos aspectos, eis por quê.

iPhone 3GS virando de lado

A Apple odeia estampar os produtos físicos dela com “FREE”, tanto que proíbe a divulgação de promoções associando essa palavra a eles. O iPhone 3GS, por algum milagre divino, vai receber o iOS 5, mas nada garante que ele chegue ao iOS 6, muito menos ao 7 — se o contrato for de dois anos, os consumidores vão ficar presos a um produto bem defasado. Além do mais, a Apple nunca ficou com nenhum iPhone à venda por mais de dois anos, e a migração para os processadores A# deverá servir de estímulo para ela abandonar de vez esse modelo.

Se for para atacar um segmento diferente e expandir sua base de clientes, não é do feitio da Maçã usar produtos “velhos”, até porque isso dificulta os avanços no desenvolvimento de software. Pode até ser que um iPhone com display de 320×480 pixels e câmera de 3 megapixels continue disponível por um preço mais em conta, mas é muito mais fácil vendê-lo como algo novo do que como o mesmo modelo de 2009.

Aliás, Abramsky até acredita na possibilidade de um “iPhone bebê” aparecer, mas apenas em 2012, para não afetar a performance do iPhone 5. Isso faz bem mais sentido, mas eu apostaria num lançamento simultâneo, como iPods, e não em datas diferentes, como Macs.

[via AppleInsider]

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes