Hacker @MuscleNerd explica que levar o Siri para outros iGadgets dependeria de pirataria

É natural que muitos nos questionem e não entendam que o ato de fazer jailbreak não é algo ilegal, embora seja um meio para se conseguir piratear aplicativos para iOS — o que condenamos completamente no MacMagazine. Tanto quanto nós, a equipe de hackers do iPhone Dev-Team e de outros grupos também só trabalha em prol da comunidade pensando em usos positivos disso.

Hoje, por exemplo, @MuscleNerd — um dos “porta-vozes” mais ativos do Dev-Team — falou um pouco sobre a possibilidade de eles levarem o Siri para outros iGadgets, após alguns outros hackers mostrarem interesse em fazer o mesmo.

[blackbirdpie id=”124107107443277826″]

[blackbirdpie id=”124107488344817664″]

Além da dificuldade de descobrirem um exploit no chip Apple A5 — o que faz o Siri rodar —, o grande empecilho para eles hoje é que o recurso em si teria que ser pirateado quando fosse levado para outros iGadgets, algo que vai contra os princípios do Dev-Team.

@MuscleNerd explica, respondendo a um seguidor:

[blackbirdpie id=”124108243244032000″]

[blackbirdpie id=”124108622191001601″]

Como podem ver, existe uma forma de fazer isso sem caracterizar pirataria — mas ela não é nada simples.

Por ora, acho que temos mesmo que nos contentar com o Siri exclusivo para iPhones 4S, mas também não é surpreendente imaginar que a Apple esteja trabalhando para levá-lo para outros dispositivos no futuro. Não os antigos, talvez, mas quem sabe iPads 2 (em diante) e até quem sabe Macs.

[via iClarified]

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes