Não é um bug, é um recurso: desenvolvedores e usuários, cuidado com o faxineiro do iOS 5

Marco Arment, criador do famoso Instapaper, pôs em evidência um problema do iOS 5 que pode dar muita dor de cabeça para muita gente: o sistema de limpeza do iOS 5. Aparentemente, a Apple tem se voltado tanto para a nuvem que esqueceu daqueles momentos em que é preciso usar iGadgets offline, por qualquer motivo que seja.

Ocorre o seguinte: antes, um app tinha duas opções de destino para seus arquivos, ou a pasta Documents, ou a dupla Cache/tmp, sendo a diferença das duas que a primeira é salva em backups, enquanto as outras, não. Se um desenvolvedor colocasse coisa demais na Documents, o backup ficaria pesado, e como agora há a opção de fazer backups com o iCloud, é conveniente minimizar essa carga. Muito bem, vamos reduzir a quantidade de conteúdo da Documents apenas ao que for criação do usuário (um desenho ou texto, por exemplo) ou qualquer coisa que não possa ser baixada novamente.

iOS 5 limpando o Instapaper

“Esse tal de Instapaper tinha um monte de texto jogado dentro dele, aí eu fui lá e limpei tudo: taquei fogo neles!”

Muito bem, o Instapaper usa a pasta Cache para salvar páginas: elas podem ser baixadas depois, se preciso, e não vão pesar nos backups dos usuários. Maravilha. Só que há um pequeno problema: o faxineiro. Quando o iOS 5 percebe que a memória do seu iGadget está quase cheia, ele sai limpando as pastas Cache/tmp dos apps, na esperança de abrir espaço para mais coisas importantes.

[blackbirdpie id=”122146708795826176″]

Daí resulta o que pode muito bem parecer um bug, mas é encarado pela Apple como um recurso: você passa meia hora “salvando” coisas no seu iPhone, para ler enquanto estiver offline, e, minutos depois, percebe que várias coisas sumiram sem razão aparente. Bem, se seu iPhone estiver quase transbordando de conteúdo salvo, a culpa é do faxineiro: ele provavelmente saiu limpando o que estava guardado nos seus apps.

Há uma boa dose de ironia nisso… quem nunca teve um tesouro jogado fora durante uma faxina? “Ah, mas era só um monte de papel entulhado, eu dei pra reciclagem!” Eu mesmo* já ouvi versões disso um par de vezes… 😛

Algo parecido acontece com o Safari, tanto no OS X Lion quanto no iOS: eventualmente, para poupar… alguma coisa (RAM não é, porque aqui no meu MacBook tem de sobra e ele ainda assim faz isso) ele simplesmente apaga páginas abertas e as recarrega quando você troca de aba. Muito lindo! Digamos que eu esteja escrevendo este post no WordPress, mude de aba para checar uma informação e, ao voltar… cadê meu texto?! A página recarregou.

Isso não é um recurso. Isso é um problema. E um problema a ser resolvido o quanto antes, pelo bem dos usuários, dos desenvolvedores e da própria Apple, pois esse tipo de comportamento do sistema detona a experiência de usar qualquer iProduct.

(*) E no episódio de hoje de Hoarders

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes