Smart Audio Technologies processa a Apple por violação de patente relacionada a listas de músicas randômicas

Mais um dia, mais um processo: dessa vez, a empresa Smart Audio Technologies, do Texas, alega que os iPods nano (e outros dispositivos) infringem uma patente da empresa relacionada a listas de música randômicas.

iPod nano

A patente em questão é a 6185163, e ela cobre um método que altera listas randômicas em dispositivos sem interromper as músicas que estão sendo reproduzidas.

Até aí nada demais, já que processos de patent trolls envolvendo a Apple aparecem todos os dias, como sabemos. O diferencial desse é que a empresa está sendo representada pelo ex-juiz federal Joseph Farnan Jr., o qual trabalhou na mesma corte onde o processo foi aberto — parece até Brasil, né? 😛

As brigas de patentes se tornaram tão lucrativas, que nos últimos anos as diversas empresas começaram a investir em patent trolls. Neste caso específico, a Smart Technologies foi fundada em 2011, e existe basicamente para tentar rentabilizar em cima da patente supracitada — Steven Geiszler, advogado dela, recusou-se a comentar quem são os atuais investidores por trás da companhia.

Além da Apple, Creative e Philips também foram acusadas de infringir as patentes da Smart Technologies.

[via paidContent]

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes