Google é processado por invadir privacidade de usuários do Safari

Só faz poucos dias que o Google se viu num inferno astral envolvendo invasão de privacidade de usuários do Safari, e agora, é claro, ele terá que se explicar na justiça.

Logo do Google numa parede

A gigante de Mountain View já está sendo alvo de uma ação coletiva envolvendo esse abuso e, a depender do que o juiz entender e de quantos consumidores se envolverem no processo, a mancada poderá custar milhões de dólares ao Google.

De acordo com documentações do caso obtidas pela Bloomberg Businessweek, o Google está sendo acusado de ter violado o Federal Wiretap Act, o Stored Electronic Communication Act e o Federal Computer Fraud and Abuse Act. A lei é clara: empresas não podem monitorar comunicações quaisquer sem a permissão de usuários.

Da semana passada pra cá, uma reclamação contra o Google também foi aberta na Federal Trade Commission (FTC) dos Estados Unidos e agora até a Microsoft, que inicialmente brincou com a situação, afirma que o Google estaria ignorando configurações de privacidade no Internet Explorer. A coisa está feia.

[via Ars Technica]

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes