Rumor: câmera do “iPhone 6” manterá os mesmos 8 megapixels da geração atual

O ano começou e, junto dele, vários rumores sobre a próxima geração do smartphone da Apple (apelidado de “iPhone 6”). O nosso trabalho aqui no MacMagazine é, entre muitas coisas, separar o joio do trigo a fim de trazer o máximo de informações plausíveis, afinal, a quantidade de baboseiras que se fala por aí é enorme!

Dito isso, vamos aos fatos: cada vez menos a gente leva em consideração a opinião de analistas e especialistas do mercado financeiro quando o assunto é previsão de lançamentos da Apple. Tirando um ou outro, esses caras já deixaram claro que não são fontes confiáveis no quesito “adivinhação do que vem por aí”. Então, quando surge um analista afirmando algo sem pé nem cabeça, a gente simplesmente ignora.

Câmera do iPhone 5s

Não foi o caso, porém, de um analista não-identificado da firma Nomura Securities. De acordo com ele, as ações da Largan Precision (que fornece para a Apple algumas peças da câmera de iGadgets) caíram significantemente no fim da semana passada por conta de um rumor de que a Maçã utilizaria uma câmera de mesma resolução (8 megapixels, e não uma de 12-16 megapixels como andaram especulando até mesmo para a atual geração) no “iPhone 6”, conforme noticiou o The China Post.

Ainda de acordo com a matéria, a futura câmera do “iPhone 6” teria uma melhor estabilização de imagem óptica e o motivo para essa decisão (de manter a câmera com 8 megapixels) seria manter a portabilidade do iPhone, deixando-o leve e fino.

Pedido de patente da Apple - Sistema de estabilização óptico

Paralelamente a isso, o Unwired View noticiou que o Escritório de Marcas e Patentes dos Estados Unidos divulgou um pedido de patente da Maçã (de número 20.140.009.631) o qual cobre justamente um sistema de estabilização óptico de imagem (optical image stabilization, ou OIS) com foco automático (autofocus, AF) bastante melhorado em câmeras pequenas como as encontradas em iGadgets.

Pedido de patente da Apple - Sistema de estabilização óptico

O inventor da patente é Richard Topliss, que de acordo com o LinkedIn entrou para a Apple como especialista sênior de tecnologias de câmeras em janeiro de 2012 — depois de passar mais de uma década como diretor técnico da Cambridge Mechatronics, no Reino Unido (empresa focada em OIS para smartphones).

Ninguém sabe se a Apple está trabalhando diretamente com a Cambridge Mechatronics ou se simplesmente gostou do que eles estão desenvolvendo e tratou de absorver um de seus talentos. O que podemos imaginar, sim, é que a futura versão do iPhone poderá vir com melhorias significativas nessa área — afinal, estamos falando de um recurso que a Apple vem investindo pesadamente nos últimos anos.

Sobre a quantidade de megapixels, sinceramente, não vejo necessidade de termos imagens maiores e mais pesadas, ocupando ainda mais o precioso espaço de aparelhos móveis. Uma foto tirada hoje com o iPhone 5/5s/5c possui cerca de 3MB, com uma resolução de 3264×2448 pixels. Precisamos mais do que isso? Todo mundo sabe que mais megapixels não necessariamente quer dizer mais qualidade. Particularmente, acho muito mais interessante a Apple investir no tamanho do sensor, em estabilização de imagens, num zoom decente, entre outras coisas, do que ficar preocupada em aumentar os megapixels…

[via MacRumors: 1, 2]

Posts recomendados

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes