Duas empresas brasileiras se juntaram para criar o Museu Apple


O pessoal que já viajou com a gente no MM Tour teve o prazer de conhecer o Computer History Museum. Lá é possível ver muitos computadores que fizeram história como, por exemplo, o Apple I.

Apple I, esse fez história! #MMTour

A photo posted by MacMagazine.com.br (@macmagazine) on

É claro que o CHM não se resume à Apple mas, para nós, é muito bacana ver essas peças por lá. Mas não seria muito bacana se tivéssemos um museu focado em produtos da Maçã, aqui no Brasil?

Museu da Apple no Brasil

Pois é exatamente isso que a HiMaker e a Blusoft estão fazendo. O site do Museu Apple traz todas as informações do projeto — incluindo é claro, a sua história:

Desde 2005, em meu primeiro trabalho com computadores Apple, na empresa Clicheria Blumenau, nunca consegui jogar hardwares Apple fora. Depois disso, iniciei uma catalogação de produtos, o que me surpreendeu, pois apareceram muitas pessoas com histórias incríveis de como foi adquirido ou comprado aquele hardware Apple no passado. Muitas dessas pessoas gostaram da iniciativa e doaram suas preciosidades para o acervo de obras de arte tecnológicas da HiMaker.

Foi então que, em 2014, com o intuito de manter a história viva, nós, da HiMaker, criamos o hábito de guardar todos os hardwares Apple possíveis. Depois de certo tempo, a coleção ficou cada vez maior e decidimos organizar e catalogar todos os itens guardados. São mais de 400 itens, de teclados e mouses até iMacs em pleno funcionamento.

Com tantas peças guardadas tivemos que alugar uma sala separada do escritório para guardá-las em segurança e foi aí que surgiu a ideia de criarmos um sistema online de catalogação utilizando o FileMaker. Para cada peça foi criada uma ficha de descrição, que fica à disposição para visualização a qualquer momento na internet.

Cada item também tem um código QR que permite visualizar todas as informações ao entrar no museu físico.

Henrique Bilbao, diretor da HiMaker.

É claro que o museu não nascerá completo, mas só para termos uma ideia de como a coleção já está grande, ele já conta com 420 peças (315 máquinas, 18 bases wireless, 4 câmeras, 1 controle, 37 impressoras, 133 aparelhos móveis e 6 mouses/teclados). Na página do museu há também um destaque mais do que merecido aos doadores que ajudaram a transformar o museu em realidade.

Convite - Museu Apple

O Museu Apple fica na Rua Dois de Setembro, 733/sala 16 – Ed. Bluesoft (em Itoupava Norte, Blumenau – Santa Catarina). A inauguração está marcada para o dia 27 de novembro, às 19 horas. Para comparecer, basta confirmar a presença neste simples formulário. 😉

Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.

Posts recomendados

Relatório de erro de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: