Torne-se um “poliglota” com o Microsoft Translator para iOS, compatível também com o Apple Watch

Cada vez mais a tecnologia quebra barreiras e aproxima as pessoas. A comunicação em si pode acontecer de diversas formas, mas o normal é que uma fale o mesmo idioma da outra — afinal, trocar só emoticons não conta. 😛

Como conversar, então, com uma pessoa que fala um idioma que você não conhece ou não domina? A Microsoft está dando uma forcinha e liberou o app Translator para iOS e outras plataformas. Com ele você fala no seu idioma, o aplicativo reconhece, traduz de forma textual e ainda pronuncia tudo no idioma de destino que você precisa.


Ícone do app Tradutor da Microsoft

Tradutor da Microsoft

de Microsoft Corporation

Compatível com iPadsCompatível com iPhonesCompatível com Apple Watches
Versão 3.2.12 (168.8 MB)
Requer o iOS 10.0 ou superior

Grátis

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

Screenshot do app Tradutor da MicrosoftScreenshot do app Tradutor da MicrosoftScreenshot do app Tradutor da MicrosoftScreenshot do app Tradutor da MicrosoftScreenshot do app Tradutor da Microsoft

O app conecta-se à API de tradução da Microsoft (na nuvem) e convenientemente se integra a diversos produtos, ferramentas e soluções. Dentre elas temos todo pacote Office (Word, Excel, PowerPoint…), Bing, Skype e uma série de outros produtos da empresa.

De forma prática, se você chega aos Estados Unidos, precisa perguntar algo e não sabe nada de inglês, é só abrir o aplicativo e falar em português. Em ambientes barulhentos a tradução textual é bacana, pois você pode colocar o texto em modo de “tela cheia” no iPhone e mostrá-lo para a pessoa com a qual precisa interagir. Em outros, nada melhor do que a tradução diretamente em áudio.

O Microsoft Translator vem com suporte para o Apple Watch, funcionando quase da mesma forma: você pressiona o botão, fala com o seu relógio e ele lhe mostra a tradução de forma textual.

Microsoft Translator no Apple Watch

O app chegou com suporte a uma infinidade de idiomas, entre eles árabe, catalão, chinês, dinamarquês, holandês, inglês, finlandês, francês, alemão, grego, hebraico, húngaro, italiano, japonês, coreano, polonês, português, russo, espanhol, sueco, tailandês e turco.

Pelo que testei até agora, torna-se possível uma comunicação mesmo sem saber o outro idioma, porém cabe um alerta muito importante: às vezes a tradução é feita muito ao pé da letra e como nós, brasileiros, falamos o português (um idioma riquíssimo em palavras), as chances de serem formadas frases sem sentido são muito grandes. O ideal, portanto, é pensar bem antes de falar e utilizar frases simples/objetivas.

Bons exemplos de uso para o app: “Que horas são?”, “Onde fica o banheiro?”, “Como chego à Quinta Avenida?”, etc. Evite frases do tipo: “Sabe, estava aqui sem o meu relógio e tava a fim de saber as horas.” Quanto menos florido melhor, e com o tempo as traduções tendem a ficar melhores por ser um serviço que está conectado a várias ferramentas e presente na nuvem.

É claro que já existiam apps com essa tecnologia, mas quando uma grande empresa como a Microsoft está por trás acaba impulsionando muito o uso (bem como seus concorrentes). Para não perdermos a chance de rir um pouco, baixem o Microsoft Translator, façam suas traduções e comentem abaixo as que acharem ser mais “bizarras”. 😉

[via The Verge]

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes