IDC: em apenas dois trimestres, Apple já é a segunda maior fabricante global de dispositivos vestíveis

O Apple Watchchegou recentemente ao Brasil, mas começou a ser vendido lá fora em abril. Ou seja, podemos dizer que ele é um produto com dois trimestres de vida.

E nesse período, segundo uma pesquisa da International Data Corporation, a Apple já assumiu a segunda colocação global entre fabricantes de dispositivos vestíveis (wearables).

Gráfico da IDC sobre o mercado de vestíveis

O terceiro trimestre de 2015 fechou da seguinte forma, segundo dados da IDC:

  1. Fitbit: 4,7 milhões de unidades (22,2% de market share)
  2. Apple: 3,9 milhões (18,6%)
  3. Xiaomi: 3,7 milhões (17,4%)
  4. Garmin: 0,9 milhão (4,1%)
  5. BBK: 0,7 milhão (3,1%)
  6. Outras: 7,3 milhões (34,6%)

Observem que a Samsung nem no Top 5 está. Além disso, a Apple é naturalmente a que vende os dispositivos mais caros (e provavelmente com as maiores margens de lucro) de todas essas — com bastante folga. O mercado de vestíveis como um todo chegou a 21 milhões de unidades, um crescimento anual de absurdos 197,6%.

Pelos números da IDC, a Apple vendeu 3,6 milhões de Watches no segundo trimestre e 3,9 milhões no terceiro, somando 7,5 milhões. Como a Apple não está detalhando esses números de forma oficial em seus resultados financeiros (por razões comerciais/estratégicas, segundo ela), temos mesmo que nos embasar em pesquisas de mercado realizadas por terceiros.

Recentemente, estimamos que a Apple já faturou pelo menos US$1,7 bilhão com o Watch.

[via Fortune]

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes