Testamos a compressão de imagens nos principais apps de mensagem; saiba qual deles traz a melhor razão tamanho/qualidade

É aquela coisa: você tem uma foto magnífica em altíssima resolução tirada com a sua câmera DSLR de 258 megapixels e, naturalmente, quer se mostrar pra todos os seus amigos. O problema é que o peso da dita cuja em megabytes beira os três dígitos e ultrapassa — e muito — o socialmente aceitável e fisicamente possível dos mensageiros instantâneos.

07-teste_original

Então nos lembramos: a maioria destes serviços comprime as fotos antes de enviá-las aos destinatários. Maravilha! Ou não: uma compressão exagerada ou mal feita tirará toda a pompa e elegância da sua foto destinada ao Pulitzer, enquanto um processo de sucesso deve diminuir o tamanho e algumas informações cromáticas da foto sem, entretanto, tirar suas características.

Essa é a intenção deste post: reunir os principais aplicativos e serviços de mensagens instantâneas — Mensagens, WhatsApp, Telegram, Facebook Messenger, Skype e, como bônus, a DM do Twitter — e testar suas capacidades compressoras com uma única foto em alta resolução, que nos servirá de cobaia. Analisaremos o tamanho, a resolução e a qualidade do resultado para avaliar quem se sai melhor nesta tarefa crucial em tempos de internet limitada. Vamos lá?

A foto enviada em todos os serviços foi esta aqui. É um JPEG de 2,3MB, com dimensões de 5344×3006 pixels. Os resultados são os que seguem:

App/serviçoResolução (pixels)TamanhoComentário
Telegram1280 x 720150 KBFoi o que mais comprimiu a foto, tirando dela algumas informações. Mas oferece também a opção de envio sem compressão. [Ver imagem]
Facebook Messenger2048 x 1152337 KBDe todos, foi o que se saiu melhor: diminuiu bem o tamanho da foto, mantendo uma boa resolução e cores. [Ver imagem]
WhatsApp1600 x 899454 KBA imagem ficou numa resolução menor que a do Facebook, mas com tamanho maior — e sem diferença na qualidade. [Ver imagem]
iMessage2667 x 15001,2 MBNão redimensionou agressivamente a foto, mas o tamanho final foi relativamente alto em comparação aos concorrentes. [Ver imagem]
Twitter5344 x 30062,1 MBNão diminuiu a resolução da imagem, mas nota-se que houve algum processamento: seu tamanho caiu 200KB. [Ver imagem]
Skype5344 x 30062,3 MBNão alterou a foto em nenhum sentido, enviando o arquivo original ao destinatário, com a mesma resolução e tamanho. [Ver imagem]

Como se pode ver, não temos aqui um vencedor claro. Alguns mensageiros preferem comprimir bastante suas imagens para economizar a banda dos usuários e, obviamente, seus próprios servidores, enquanto outros seguem a rota de enviar o arquivo original sem (ou com muito poucas) compressões — tudo vai depender, então, da necessidade do usuário, como sempre.

Se você me pedir pra escolher um dos seis testados acima, entretanto, eu escolho o Telegram. Por quê? Simples: ele oferece a opção tanto de enviar a imagem comprimida ou o arquivo inalterado — o melhor de dois mundos, para todo tipo de situação.

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes