Comparativo: veja quem se sai melhor no duelo dos apps de “segunda tela” para iPad

Ô coisinha complicada é essa tal de produtividade. São tantos fatores diferentes, tantas idiossincrasias… resumindo, não existe uma fórmula certa para aumentar a produtividade de todo mundo.

Quando estamos falando de trabalho em frente ao computador, entretanto, uma coisa é certa: quanto maior espaço de tela temos, mais fácil fica produzir — os pixels extras sempre ajudam a abrir mais janelas, reunir mais informação, ter mais controle sobre os diversos conteúdos com os quais estamos trabalhando.

Aí entra a questão: um segundo monitor certamente não é uma opção plausível para a maioria das pessoas. Além de ser um investimento salgado, é desnecessário para todas as pessoas que usam o computador para efetivamente trabalhar somente em uma pequena parte do seu uso — sem falar que, nos nossos espaços de habitação cada vez menores, lugar para um outro trambolho de vinte e tantas polegadas é um raro luxo.

Arrastando janelas no aplicativo de segunda tela

Mas e se você pudesse usar o seu iPad como uma extensão da tela do seu computador, apenas nos momentos de maior necessidade? Seria excelente, certo? Felizmente, existem algumas opções na App Store que cumprem exatamente este propósito, e nós escolhemos as duas mais proeminentes para travar um épico duelo: Duet Display e Air Display 3.

Os testes foram realizados com um MacBook Pro de 13″ e um iPad mini de segunda geração. Vamos lá, então?

Configuração inicial

Em termos de colocar os apps para funcionar, ambos se saíram bem, até por apresentarem métodos de funcionamento bastante parecidos. Nos dois casos, baixa-se o aplicativo no iPad e um utilitário no computador cuja tela será estendida. O utilitário fica escondido operando na barra de menus, e sempre que se abre o aplicativo no tablet, o software no Mac detecta automaticamente a conexão e começa a operar. Em ambos os aplicativos, esta operação transcorreu sem problemas.

Entretanto, alguns pontos devem ser considerados. Enquanto o Duet Display mostrou-se impecável no quesito, com uma orientação clara a todo momento do que devia ser feito e um site intuitivo — e em português — com botões bem grandes para baixar os utilitários para Mac/Windows, o Air Display acabou sendo um pouco mais confuso que isso. Alguns membros da própria equipe do MacMagazine, ao testarem o serviço, confundiram o utilitário com o Air Display para Mac, outro software (pago: R$66), destinado a ser um receptor da mesma forma que o app para iOS. Esta diferenciação deveria ser mais clara no site.

Além disso, a página não simplesmente fornece o link para download do utilitário; você deve introduzir alguns dados para receber o link por email. E fornecer seu email na internet, quando não é estritamente necessário, não é legal. Por isto, vitória do Duet no quesito.

Design

Aqui, mais um ponto para o Duet Display. Embora a intenção principal dos dois serviços seja, no fim das contas, que eles “sumam” — afinal, o importante é simplesmente estender a tela de um computador sem muitos elementos de interface atrapalhando —, em todo o processo até chegar a este ponto a opção da Duet tem um desenho mais clean, mais bem-pensado e simples de entender.

O fato de o aplicativo ter sido projetado por ex-engenheiros da própria Apple transparece em todos os momentos no uso do Duet: parece ser algo saído justamente de Cupertino pela beleza e pela simplicidade de uso.

O Air Display não chega a perder pontos, mas conta com decisões de design menos atraentes — não parece que estamos com um aplicativo profissional em 2016, por assim dizer.

Recursos

Neste ponto, o Air Display ganha por conta de um recurso bastante definidor (tanto que está no seu nome): a possibilidade de utilizar o aplicativo sem a necessidade de um cabo Lightning, baseando-se na conexão Wi-Fi.

Ainda assim, no fim das contas, o adicional acaba não sendo tão vantajoso assim. Claro, ele adiciona uma flexibilidade maior e é decisivo no caso da falta de um cabo por perto, mas considerando que a ideia é utilizar o tablet literalmente ao lado do computador, não vejo nenhum problema em utilizar o Lightning pra isso — e o benefício imediato da conexão cabeada é a transmissão de imagens muito mais competente, sem lags ou travamentos aleatórios.

Felizmente, o Air Display administra esta mudança muito bem: se você iniciar o uso do app sem fios e conectar o cabo no computador posteriormente, a conexão muda automaticamente e as coisas ficam muito melhores na mesma hora.

Além disso, o aplicativo da Avatron vai um pouco além ao oferecer um teclado virtual na tela do iPad, completo com teclas de função, para o caso de o teclado do computador estar inacessível. Também não é um recurso matador, mas é bom que esteja lá.

Funcionalidade

Consideremos aqui somente a conexão por meio de cabo Lightning, que é comum aos dois aplicativos. Ambos apresentam performance deveras parecida, e quase perfeita: o atraso é praticamente zero, vídeos são reproduzidos com perfeição e o Mac reconhece a segunda tela como um segundo monitor qualquer, ou seja, temos todos os benefícios dos Spaces, de arrastamento de janelas e tudo mais.

Os dois serviços apresentam menus de configurações simples e intuitivos, com opções básicas e bem-vindas — por exemplo, a possibilidade de estender ou espelhar a tela do computador.

Preço

O Air Display 3 custa US$15 na App Store, enquanto o Duet Display sai por US$19. Não é uma diferença gritante, mas como ambos oferecem recursos praticamente iguais, ponto para a opção da Avatron neste quesito.

É bom notar que existe uma versão anterior do primeiro, o Air Display 2, também à venda (por US$10) por questões de compatibilidade — a iteração mais nova suporta apenas Macs por enquanto.

Veredito

Ambos os aplicativos portaram-se muito bem no duelo e têm qualidades notáveis. No geral, pela facilidade extrema de uso e pelo design de bom gosto, o Duet Display ganha a parada com uma margem muito pequena — mesmo que não ofereça alguns recursos trazidos pelo seu rival.

Se você, entretanto, acha imprescindível o recurso de conectar-se ao computador sem fios ou se quatro dólares realmente fazem uma diferença absolutamente crucial no seu bolso, o Air Display também é, sem dúvidas, uma opção excelente. Um pouco menos polida nas pontas, mas excelente.

Até a próxima batalha!


Ícone do app Duet Display

Duet Display

de Duet, Inc.

Compatível com iPadsCompatível com iPhones
Versão 2.1.3 (54.7 MB)
Requer o iOS 8.0 ou superior

R$ 37,90

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR


Ícone do app Air Display 3

Air Display 3

de Avatron Software, Inc.

Compatível com iPadsCompatível com iPhones
Versão 3.2 (56.4 MB)
Requer o iOS 11.0 ou superior

R$ 37,90

Badge - Baixar na App Store

Código QR Código QR

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes