Novos registros de marcas da Apple, incluindo “iSight Duo” e “A10 Fusion”, são descobertos

Ainda ontem comentamos que alguns registros de marcas interessantes (como “iPhone 7”, “iPhone 7 Plus”, “AirPods”, “AirPod Case”, “Smart Button”, “Touch Bar”, “Control Strip”, “Home Hub” e “Iris Engine”) foram descobertos pelo advogado Brian Conroy. Ele comentou que, após divulgar tais registros, muita gente entrou em contato mostrando outros, perguntando se ele estava familiarizado com aquilo. Na maioria das vezes, para a nossa surpresa, a resposta foi “não”.

Uma dessas pessoas foi Ryan Simmons, usuário do fórum do MacRumors. Simmons descobriu que a Apple havia registrado as seguintes marcas em Brunei: “A10 Fusion”, “iSight Duo”, “Depth”, “Scribble” e “Writeboard”. Intrigado, o advogado voltou a buscar novos registros e encontrou mais alguns: “Apple Metal”, “Apple Earpods”, “Today At Apple”, “Apple Swift Playgrounds”, “Apple Smart Connector” e “Apple Genius Grove”.

Clone do "iPhone 7 Plus"

Clone do “iPhone 7 Plus”

Diferentemente das marcas que mencionei no primeiro parágrafo, Conroy não chegou a verificar essas solicitações de registro e deixou claro que trata-se de algo bem fácil/simples de ser feito em algumas jurisdições. Assim, muita gente/empresa acaba apresentando um pedido de marca falso apenas para gerar algum tipo de publicidade, de mídia espontânea.

Deixando de lado algumas marcas já conhecidas (como Metal, EarPods, Swift Playgrounds, Smart Connector, Genius Grove), uma das novas descobertas feitas por Simmons bate com o rumor da câmera dupla no “iPhone 7 Plus” (“iSight Duo”).

Já o “A10 Fusion”, ainda que indique uma nova nomenclatura para o processador que deverá acompanhar os novos iPhones, não foi ventilado ainda, assim como “Depth”, “Scribble” e “Writeboard”. Quem sabe elas estejam relacionadas a alguma função do Apple Pencil. Nesta semana, John Gruber resgatou uma entrevista de Tim Cook na qual ele foi questionado sobre o lançamento do Apple Pencil.

Como sabemos, Steve Jobs falou poucas e boas a respeito do acessório stylus ao lançar o primeiro iPhone. Na época, o cofundador e ex-CEO da Apple disse que se você precisa de uma caneta dessas para interagir com o aparelho, é porque está tudo errado. Perguntado sobre como se sentiu ao lançar o Apple Pencil, se a voz de Jobs “ressurgiu”, Cook respondeu (grifo nosso):

Bem, nós lançamos um lápis e não uma caneta, antes de tudo, e há uma grande diferença sobre as coisas que as pessoas estão fazendo com este lápis, eu acho que Steve teria amado. Ele gostava de ajudar as pessoas a criar. E se você já viu o que pode ser criado em um iPhone ou em um iPad com o lápis, é realmente inacreditável. Você realmente deve mostrar algumas dessas [criações] para o seu público.

É aquele história: ou Cook errou feio ao antecipar que os novos iPhones receberiam suporte ao Pencil, ou ao falar que o lápis pode ser utilizado numa boa com o smartphone.

Será que veremos novos iPhones compatíveis com o Apple Pencil? Faz sentido usar o lápis para desenhar em um iPhone? Saberemos em breve — e, caso isso aconteça, veremos as justificativas. 😝

[via MacRumors, Daring Fireball]

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes