Com 170 bilhões de downloads em 10 anos, receita da App Store já passa de US$130 bilhões!


Neste exato mês, em 2008, a App Store nascia — inicialmente com tímidos 500 aplicativos disponíveis, segundo a Wikipédia. Dez anos depois, a loja de aplicativos da Apple já conta com mais de 2 milhões de títulos e continua a crescer em novos e antigos mercados.

Para celebrar essa década, a empresa de análise de aplicativos e inteligência de mercado App Annie realizou um estudo acerca da trajetória da App Store. Os gráficos, indicados abaixo, ilustram os resultados da App Store com o passar dos anos.

Vale ressaltar, porém, que esses números não representam tão bem assim a realidade por um simples motivo: a App Store foi lançada no dia 10 de julho de 2008, mas o App Annie chegou ao mercado em 2010. Todos os dados compilados abaixo vão de julho de 2010 até dezembro de 2017, excluindo os dois primeiros anos de vida da loja — o que significa que os números verdadeiros são ainda maiores do que os indicados.

Atualmente, o número de dispositivos instalados com iOS é menor do que aqueles com o sistema operacional Android. Logo, a quantidade de downloads realizados na App Store (cerca de 30%) é também menor quando comparada com o Google Play (70%). Ainda assim, a App Store registra um consumo muito maior dos usuários em relação à loja do Google; em 2017, 66% das compras feitas em lojas de aplicativos vieram da App Store — em 2012, eram 86%!

Gráfico da App Annie - Dez anos de App Store

Para a elaboração de outro dado do estudo, foram selecionados alguns países a fim de comparar a média mensal de aplicativos instalados vs. usados em dispositivos iOS. Usuários da França ficaram em primeiro lugar, com uma média de 114 apps instalados, enquanto 39 são de fato utilizados. No Brasil, usuários instalam cerca de 108 aplicativos e usam com mais frequência apenas 40.

Gráfico da App Annie - Dez anos de App Store

Desde 2008, mais de 4,5 milhões de aplicativos foram lançados na App Store, dos quais a grande parte são jogos. De uma maneira geral, os números relacionados a jogos variam de acordo com alguns dados. Eles correspondem à maior quantidade de aplicativos lançadas na loja (77%), mas atualmente representam 31% dos downloads; ainda assim, são eles os responsáveis por 75% dos gastos dentro da App Store, graças à grande quantidade de games com compras internas.

Gráfico da App Annie - Dez anos de App Store

Excluindo os jogos, o estudo também tratou dos aplicativos com assinatura mensal/anual. O recurso foi implementado pela Apple em 2011 e a receita inicial foi de quase US$2 bilhões. Em 2017, a arrecadação com assinaturas chegou a US$10,6 bilhões e cada vez mais aplicativos estão adotando esse método de pagamento.

Gráfico da App Annie - Dez anos de App Store

Desde junho de 2010, já foram mais de 170 bilhões de downloads, culminando numa receita que já passa de US$130 bilhões! A empresa também realizou uma previsão referente aos gastos dos usuários com a App Store em 2022, ano em que a receita deverá alcançar US$75,7 bilhões! A nível de comparação, em 2017 foram gastos US$42,5 bilhões com apps.

Esses e outros resultados obtidos pelo estudo da App Annie estão disponíveis para download no site da firma.

via TechCrunch

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes

Relatório de erro de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: