80% dos bolsos de calças femininas são pequenos demais para um iPhone, diz estudo

Se você é homem e está usando calça (como eu… espero que esteja), lhe convido a fazer um exercício simples: pegue seu iPhone (ou seja lá qual for o seu smartphone) e o coloque no bolso. Básico e sem dificuldades, não? Pois saiba que esse desembaraço não é compartilhado por todos — ou melhor, todas.

Eu não falo em nome das mulheres, mas acredito que elas tratam de uma questão séria quando reclamam dos bolsos em calças femininas. Ora, se estamos falando de um dos maiores instrumentos de democratização da moda no último século, como o jeans foi, nada mais justo que todos e todas recebam a mesma utilidade dessa ubíqua peça de vestimenta, certo? Certo, mas não é o caso — e um estudo acaba de comprovar por A + B que o problema é bem mais grave do que nós podemos imaginar.

O The Pudding publicou um levantamento comparando os tamanhos dos bolsos em 20 dos modelos de calças jeans masculinas e femininas mais populares nos Estados Unidos, e determinando quais dos compartimentos eram grandes o suficiente para comportar objetos básicos da sociedade americana — incluindo o iPhone X. O resultado é revelador: enquanto *todos* os bolsos masculinos têm tamanho para caber o smartphone mais caro da Apple, apenas 40% dos femininos têm capacidade semelhante.

Comparação entre bolsos femininos e masculinos com um iPhone X

O problema fica ainda mais drástico quando consideramos aparelhos mais avantajados: o Samsung Galaxy S9+ coube somente em 20% dos bolsos femininos (e 95% dos masculinos); o Google Pixel XL entrou em somente 5% dos compartimentos das peças femininas (e 85% dos das masculinas). E olha que nós nem estamos falando aqui dos temidos bolsos falsos, que não cabem, bom, absolutamente nada além de frustração e ultraje.

Antes que alguém note que, no geral, mulheres têm corpos menores que homens, é bom deixar claro que a pesquisa levou em conta peças desenhadas para o mesmo tamanho de cintura, tanto para homens como mulheres (32 polegadas, ou 82 centímetros) — ou seja, são jeans feitos para pessoas com tamanhos mais ou menos similares.

É bom notar também que estamos falando aqui de bolsos dianteiros — a diferença no tamanho dos bolsos traseiros femininos e masculinos também não é desprezível, embora seja menor que na parte da frente. De qualquer forma, todo mundo sabe que não é uma boa ideia levar seu celular no bolso de trás (os iPhones não entortam mais como antigamente, mas o peso do seu traseiro ainda é uma força progressivamente implacável para os delicados eletrônicos ali contidos); que a maioria das mulheres tenha adotado o costume de carregar seus aparelhos em bolsos traseiros nos últimos anos é só mais um indicativo de que o problema é real e precisa ser tratado imediatamente.

É hora, portanto, de tratar das questões que precisam ser tratadas. As reais razões para essa desigualdade bolsística são um mistério: estimular a indústria das bolsas? Perpetuar uma dependência feminina aos homens por obrigá-las a recorrer aos bolsos deles? Ninguém sabe, mas é hora de mais essa emancipação. Mulheres do mundo, uni-vos!

obrigado à Júlia Fraga pela colaboração!

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes