Mac mini também é desmontado pela iFixit e recebe elogios pela construção


Ontem, a iFixit desmontou o novo MacBook Air e, mesmo com uma nota de reparabilidade baixa, elogiou uma série de melhorias feitas pela Apple na construção da máquina no sentido da facilidade dos consertos e substituições de componentes internos. Hoje, foi o novo Mac mini que caiu nas mãos da firma de reparos — será que o novo desktop da Maçã conquistou elogios semelhantes?

Desmonte do novo Mac mini pela iFixit

Para começar o desmonte do Mac mini, o processo é o mesmo das gerações anteriores: basta destacar a tampa plástica inferior (agora mais amigável ao meio ambiente) e desaparafusar a placa de metal que protege seus componentes internos, desplugando o fio do receptor de sinal Wi-Fi.

Desmonte do novo Mac mini pela iFixit

Em seguida, basta desaparafusar e desplugar a enorme ventoinha para que a maioria dos componentes internos seja revelada. A iFixit se surpreendeu positivamente com o fato de que, para libertar as entranhas do Mac mini da sua carcaça de alumínio reciclado, basta usar os dois polegares para empurrar a placa para fora do seu invólucro — sem ferramentas especiais requeridas.

Desmonte do novo Mac mini pela iFixit

Como já vimos, o novo Mac mini substitui a RAM1 soldada na placa por pentes substituíveis (glória!); o processo de upgrade não é tão deliciosamente simples como na primeira versão unibody do mini, mas pelo menos é possível. Sobre a grade de metal que protege os pentes de memória, a iFixit suspeita que eles estejam lá para permitir que os componentes rodem na frequência de 2.666MHz sem interferir no funcionamento de outras peças da máquina.

Desmonte do novo Mac mini pela iFixit

Nem tudo são flores no diminuto desktop, entretanto. Além dos já esperados CPU2 e SSD3 soldados, o Mac mini também tem todas as suas portas (USB-A, Thunderbolt, HDMI, Ethernet…) fixadas na placa lógica — se alguma delas falhar e você precisar de uma substituição, pode esperar por uma nota alta no conserto. O chip AirPort, responsável por lidar com as conexões sem fio da máquina, também é soldado; por outro lado, o componente que encapsula a entrada de energia é modular e facilmente substituível.

Desmonte do novo Mac mini pela iFixit

No fim das contas, a iFixit deu ao novo Mac mini um índice de reparabilidade 6 em 10 pontos possíveis, destacando positivamente a facilidade para acessar as entranhas da máquina, além do pouco uso de adesivos e outras técnicas não-amigáveis. Ele continua sendo, portanto, o Mac atual mais fácil de se reparar e fazer upgrades — o que é um ponto deveras sedutor para usuários conscientes e para profissionais, justamente o público que a Apple quer conquistar com essa nova versão. Jogada de mestre?

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes

Relatório de erro de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: