★ VideoProc usa o poder da GPU para processar vídeos 4K no seu Mac


Nesses tempos de mídias sociais, a tarefa de converter e editar vídeos deixou de ser exclusiva para profissionais do audiovisual e chegou às massas — afinal, você nunca criará o próximo meme do Twitter se não conseguir colocar seu vídeo no ponto para ser postado na rede, certo?

Felizmente, conforme o tratamento de vídeos vai se tornando mais popular, os softwares dedicados a isso ficam mais simples e acessíveis para a maioria dos usuários. Bom exemplo disso é o VideoProc, ferramenta para macOS e Windows da desenvolvedora Digiarty Software.

Muito mais que um simples conversor ou editor, o VideoProc — como o próprio nome já sugere — é um verdadeiro processador multimídia, capaz de gerar, capturar e ajustar vídeos, inclusive em resolução 4K, em uma série de aspectos. Todas essas tarefas são realizadas mais rapidamente por conta de tecnologias de aceleração embutidas no aplicativo, que utilizam o poder de processamento da sua GPU1 (seja ela Intel, AMD ou NVIDIA) para economizar seu tempo.

É bom notar que, normalmente, o VideoProc custa US$79 no site da Digiarty, mas a desenvolvedora está realizando uma ação promocional deveras interessante até o dia 30 próximo: todos os dias, 2.000 cópias da ferramenta são liberadas gratuitamente para os usuários, bastando que você se cadastre nesta página com um endereço de email válido. E não é só isso — quem participar da oferta ainda estará concorrendo a um iPhone XS, um par de AirPods e dois cabos USB-Lightning para seus iGadgets.

Voltando ao software, temos quatro opções principais muito bem organizadas ao abri-lo. A primeira delas é a ferramenta “Video”, que, como o próprio nome já diz, é o seu ponto central para converter e editar arquivos de diversos formatos. O VideoProc suporta 370 tipos diferentes de codecs, e pode exportar suas criações em mais de 420 formatos em qualquer resolução, incluindo 4K. Para facilitar a vida dos usuários, o aplicativo lista destinos populares (como iPhone, YouTube, Facebook e outros) para que você nem precise se preocupar com ajustes granulares em compressão e formato, se não quiser.

VideoProc, processador de vídeos da Digiarty Software

As ferramentas de edição incluem corte, ajuste de proporção, rotação, combinação de clipes e ainda recursos mais avançados, como estabilização de imagem, redução de ruído e correção de lente; é possível, ainda, adicionar marcas d’água ou legendas em seus filmes. Felizmente, tudo isso é facilmente acessível na interface do aplicativo — mesmo usuários que não entendam inglês não encontrarão grandes dificuldades para achar as opções desejadas.

A segunda opção oferecida pelo VideoProc é “DVD” — e, embora todos os Macs já tenham abandonado a entrada para os outrora indefectíveis discos, usuários com modelos mais antigos ou drives externos poderão usufruir de uma central de conversão, importação e edição para arquivos de vídeo contidos nas mídias.

Em seguida, temos a opção “Downloader”, que serve para baixar vídeos de uma série de serviços online — desde os mais populares, como YouTube, Facebook, Vimeo e Twitch, até os mais obscuros (são mais de 1.000 opções!). Em seguida, é possível editá-los e convertê-los da mesma forma que nas opções anteriores antes de exportar a mídia para seu computador ou algum outro serviço online.

Por fim, a ferramenta “Recorder” grava a tela do seu Mac ou do iPhone/iPad conectado via USB ao seu computador (sem barrinha vermelha!); é possível, ainda, juntar essa captura com uma gravação da webcam do Mac em modo picture-in-picture — desta forma, você pode fazer um vídeo-tutorial em que você aparece dando instruções presencialmente no canto da tela, por exemplo. A ferramenta conta também com todos os recursos de edição e conversão citados anteriormente, permitindo ainda que você adicione anotações e narrações às suas capturas.

No fim das contas, o VideoProc é uma solução acessível, rápida e poderosa para processamento multimídia diretamente no seu Mac ou PC. Vale a pena conferir!

·   •   ·

Selo - Artigo Patrocinado

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes

Relatório de erro de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: