Imagem de destaque

Por ECG, Apple prolonga período de devolução do Watch nos EUA


No mundo inteiro, a Apple tem uma política de devolução dos seus produtos bem clara — já falamos sobre isso em um post há alguns anos, inclusive. Compradores de quaisquer produtos da Maçã podem devolvê-los em até 14 dias para receber um reembolso completo da compra, contanto que os itens sejam entregues em perfeito estado, com todos os acessórios e na embalagem original (a Apple dá instruções adicionais nessa página). Entretanto, o Apple Watch está fazendo a Maçã abrir uma exceção — ao menos na sua terra natal.

Como informou o MacRumors, a Apple está distribuindo um documento interno nas suas lojas e revendedoras autorizadas dos EUA indicando que elas devem aceitar devoluções do Apple Watch até 45 dias após a data da compra — contanto que a justificativa para o retorno seja algo relacionado aos recursos de monitoramento cardíaco do reloginho.

Ninguém sabe exatamente o motivo preciso para essa exceção na política de devoluções da empresa, mas acredita-se que ela tenha algo a ver com o novo recurso de eletrocardiograma (ECG) do Apple Watch Series 4, que chegará em breve com o watchOS 5.1.2 — talvez a Apple acredite que os usuários precisam de um período superior a duas semanas para testar o recurso e checar se ele realmente cumpre o que promete.

Da mesma forma, no watchOS 5.1.2, versões anteriores do Apple Watch contarão com notificações que avisam os usuários de possíveis alterações no seu ritmo cardíaco (o que não chega a ser uma solução tão precisa ou completa como o ECG, mas também pode ajudar na detecção de possíveis problemas); talvez por isso, todos os modelos do reloginho da Maçã estejam incluídos na mudança de política.

É bom notar que, passados os 14 dias da janela de devoluções padrão, os compradores não poderão simplesmente chegar a uma loja ou revendedora da Apple para entregá-lo — será necessário entrar em contato com o suporte da Maçã anteriormente, indicando o motivo da rejeição; somente após essa autorização, será possível devolver o dispositivo.

Resta saber se a política chegará algum dia ao Brasil ou ao resto do mundo — aqui, temos os 14 dias padrão para devolução dos produtos da empresa, mas seria legal ter essa janela extra para testar com mais propriedade os recursos cardíacos do Apple Watch. Talvez quando o ECG chegar oficialmente por aqui? Teremos que aguardar para ver.

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes

Relatório de erro de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: