Banco australiano cede à pressão de clientes e adotará o Apple Pay

Imagem de destaque

Após a implementação do Apple Pay nos Estados Unidos, em 2015, um dos primeiros países a receber o serviço de pagamento móvel da Maçã foi a Austrália.

Diferentemente do que a companhia planejou, no entanto, alguns bancos do país não só recusaram a oferta como também entraram com um pedido junto à Agência Australiana Regulamentadora de Competição (ACCC) para negociar uma solução quanto à restrição do serviço da Apple.

Entre eles estava o Commonwealth Bank, uma das maiores instituições financeiras da Austrália que, desde 2016, nem sequer deu indícios que iria adotar o Apple Pay — até agora. Depois de vários anos de disputa com a Maçã sobre taxas e acesso ao chip NFC1 dos iPhones, a empresa disse que “escutou seus clientes” e adotará o serviço de pagamento da Maçã no próximo mês.

O Apple Pay está chegando para clientes pessoa física do CommBank em janeiro de 2019 🙌🎉

Como dissemos, além do Commonwealth Bank, os bancos australianos National Australia Bank (NAB) e Westpac também negociaram coletivamente com a Apple a abertura das capacidades do NFC do iPhone para que o dispositivo também suportasse as carteiras digitais oferecidas por eles. A Apple, entretanto, argumentou que a postura das instituições era prejudicial aos consumidores e atrasaria inovações no país.

O Australia and New Zealand Banking Group (ANZ) foi o único dos quatro grandes bancos da Austrália disposto a negociar com a Apple e oferecer suporte ao recurso, adotando-o em abril de 2016. Dezenas de bancos menores, em seguida, também seguiram esse caminho; mas essa é a primeira vez que outra grande instituição do país decide adotar o serviço.

A chefona do sistema de pagamentos da Maçã, Jennifer Bailey, celebrou a novidade, provando que a Maçã não ficou ressentida com o imbróglio entre as empresas:

O Apple Pay é o primeiro serviço de pagamento sem contato móvel do mundo e estamos entusiasmados que clientes do Commonwealth Bank em breve poderão se beneficiar de uma maneira conveniente e segura de pagar usando os dispositivos da Apple que amam ou dentro de seus aplicativos favoritos e na web.

Mais detalhes sobre quando (especificamente) o serviço será oferecido não foram divulgados — de janeiro, pelo menos, não passa.

via MacRumors

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes