O que esperamos da Apple em 2019?

Então é Natal, e o que você fez? A Apple, sinceramente, não fez muito: 2018 foi um ano para se esquecer em Cupertino, com alguns acertos mas certamente erros que tiveram um peso muito maior para a perceção dos meses que se passaram.

Por isso e muito mais, os próximos passos da Maçã são vistos com mais interesse que nunca — um passo em falso, e a empresa pode cair ainda mais; um acerto, e os dias de glória podem voltar rapidamente (os consumidores têm memória curta, afinal). Nesse post, vamos nos concentrar em lançamentos: o que a empresa pode, deve e precisa lançar em 2019? Listemos os principais suspeitos.

Mac Pro

Começamos com o — teoricamente — mais óbvio. A Apple vem prometendo uma atualização do Mac Pro, abandonado desde os idos de 2012, já desde o início de 2017; na atualização mais recente sobre o caso, avisou que a reedição do seu desktop profissional ficaria para 2019. Caso não ocorram mais atrasos no projeto, que parece estar sendo desenvolvido com todo carinho na equipe de hardware de Cupertino, podemos estar a alguns meses da sua apresentação.

Quanto aos detalhes da nova máquina, não temos muita coisa. Sabemos que a Apple vai abandonar (ou ao menos melhorar profundamente) o design “lata de lixo” em prol da volta às origens, com um computador modular, que traz upgrades mais fáceis e acesso rápido a componentes internos importantes. Eles devem incorporar a nova linha de processadores Xeon, da Intel — ou seja, podemos esperar máquinas poderosíssimas a preços igualmente retumbantes.

Conceito do novo Mac Pro e Cinema Display

Conceito do novo Mac Pro e Cinema Display

Monitor

Junto ao anúncio de que o Mac Pro ganharia uma aguardada renovação, a Apple comentou, de passagem, que estava nos seus planos o lançamento de um novo monitor profissional próprio. Como bem se sabe, desde a morte do Thunderbolt Display, a Maçã tem se contentado em “recomendar” os periféricos 4K e 5K da LG, que têm boa recepção do mercado mas, bom, não oferecem toda a integração que um produto da Maçã poderia trazer.

Os detalhes sobre o novo monitor da Apple são basicamente inexistentes, mas, em se tratando de um produto destinado a profissionais, podemos esperar especificações a caráter: resoluções 4K ou 5K, conectividade de altíssima performance, painéis de primeira linha com suporte a todos os espectros de cor e muito mais. O preço também deverá ser, digamos, profissional.

Novos iPhones

É um fato mais certo que o especial de Roberto Carlos todo fim de ano: a Apple vai anunciar novos iPhones em setembro/outubro. Resta saber como eles serão – e agora, mais que nunca, as decisões da empresa podem influenciar fortemente seu futuro, com o interesse supostamente abaixo do esperado nos iPhones XS/XS Max/XR.

Render dos iPhones de 2019 com notch menor

Render de possíveis iPhones de 2019 com recorte menor

Os rumores sobre os aparelhos já estão correndo soltos, e nós sabemos — preliminarmente, ao menos — que eles deverão trazer baterias maiores, câmeras TrueDepth aprimoradas (embora só na frente; a traseira deve permanecer com lentes “comuns”) e, ao menos em um modelo, uma nova tecnologia de painel OLED com sensor de toque embutido. Há uma chance de o 3D Touch ser totalmente limado da linha, mas essa ainda é uma especulação longínqua.

Também se fala sobre um possível recorte (notch) menor nos aparelhos e, ao menos no modelo mais caro, a inclusão de três câmeras traseiras, seguindo tendências iniciadas pela Samsung e pela Huawei.

O que não se sabe é como a configuração da linha se apresentará em 2019: será o iPhone XR um projeto contínuo da Maçã ou é mais provável que a empresa “mate” o aparelho mais barato e reposicione os dois modelos de OLED com preços mais em conta? Ninguém sabe. Mais informações sobre esses planos deverão surgir em breve.

MacBook Pro com Face ID

Não há nenhum rumor concreto sobre isso, mas faz todo o sentido. O MacBook Pro recebeu uma atualização pontual em 2018 com novos processadores “Coffee Lake” e painéis True Tone, mas é possível que em 2019 vejamos um update mais profundo nos portáteis — que, afinal, já têm o mesmo visual e características básicas desde 2016.

Se eu pudesse apostar em uma mudança-chave nesse suposto update, seria a inclusão de uma câmera TrueDepth nos portáteis para criar os primeiros Macs com Face ID — ora, se o método de autenticação facial surgido no iPhone X já se expandiu para os iPads Pro, nada mais natural do que levá-los também aos computadores, certo?

Só esperamos que a Apple nos poupe de um recorte na tela do MacBook Pro. 😛

AirPower

A piada recorrente da Apple já teve sua sobrevivência posta em dúvida várias vezes e é uma ótima fábula sobre por que você não deve apresentar um produto enquanto não tiver 100% de certeza de que pode produzi-lo. Muitas fontes, entretanto, dizem que o AirPower está vivo e chegará no ano que vem. Tomara, não?

Base de recarga AirPower com iPhone 8 Plus, o Apple Watch Series 3 e o AirPods

Questões importantes sobre esse possível lançamento: se o AirPower “do mundo real” manterá as características e design do produto anunciado e quanto custará o bendito carregador. Dependendo das respostas, a Apple pode ter um pequeno sucesso em mãos… ou não.

Novos AirPods

Junto do anúncio do AirPower, a Apple avisou que atualizaria o estojo dos AirPods para fazê-los compatíveis com o carregador sem fio. Como tanto tempo se passou de lá para cá, a hipótese mais provável é que esse novo estojo seja lançado somente com uma nova geração dos próprios fones de ouvido sem fio — donos de AirPods de primeira geração ainda poderiam adquirir o estojo atualizado separadamente, embora isso ainda tenha de se confirmar.

Quanto aos novos AirPods em si, parece mais ou menos clara a lista de novidades: além do estojo com suporte à recarga sem fio, teríamos resistência à água, suporte ao comando “E aí, Siri” e, quem sabe, algum nível de cancelamento de ruído ativo. Ao menos uma fonte, entretanto, afirma que o lançamento do acessório poderá ficar para 2020, então esse é um rumor que podemos colocar em dúvida.

Novo iMac

O iMac tem o mesmo design desde 2009 — ou 2007, se você considerar os modelos de 20 e 24 polegadas. A Apple até tem dado uma atenção razoável ao seu tudo-em-um, com a atualização mais recente em meados de 2017, mas seria bem legal ver um update mais radical para a máquina em 2019, contando inclusive com um novo design.

iMacs com o macOS Mojave

É bem verdade que o design do iMac sobreviveu ao teste do tempo. Pode-se dizer que ele é uma das criações mais atemporais e bem-sucedidas de Jony Ive, mas uma mudança ou outra, para melhor, nunca é demais, certo? Se um novo iMac chegasse ano que vem com um redesign legal e componentes internos atualizados, seria um estouro — especialmente se a Maçã colocar o pé no freio dos preços galopantes.

Séries originais

De todos os pontos desse artigo, esse é o mais amplamente comentado — afinal, é mais fácil desenhar um computador ou smartphone em segredo do que manter o agente de um ator de Hollywood em modo discreto. Nós sabemos que as séries originais da Apple vão chegar em algum momento do ano que vem, e sabemos muita coisa sobre várias delas — basta checar todos esses posts que fizemos ao longo do último ano e além.

Também já é mais ou menos sabido como essas séries chegarão até nós: ao que tudo indica, elas farão parte de uma plataforma gratuita (ao menos num primeiro período) dentro do app TV, que ganhará uma boa renovação e poderá incorporar outros serviços de streaming, assinados ali mesmo. Todos com um iPhone, iPad ou Apple TV terão acesso à plataforma, que deverá chegar — segundo os rumores mais recentes — no segundo semestre de 2019.

Novos iPad e iPad mini

Essa é a carta “coringa” do baralho de novidades de 2019 — enquanto os prospectos acima são mais ou menos certos, a esperança de vermos um novo iPad de entrada e um novo iPad mini ainda é incerta.

iPad mini 4

Em relação ao modelo maior, é bem provável que a Apple o atualize em algum ponto do futuro, já que ele tem vendido bem; rumores recentes apontam para uma nova geração com bordas reduzidas (nos moldes do iPad Pro) e uma tela maior. Nada se sabe sobre uma possível chegada do Face ID ao tablet de entrada da Maçã, entretanto.

O iPad mini é uma ideia mais improvável: ele não é atualizado desde 2015, e o iPhone XS Max já está quase batendo no velho tablet em termos de tamanho de tela. Ainda assim, os mesmos rumores dão conta de que a Apple estaria planejando uma nova versão do dispositivo, embora maiores detalhes sobre esse suposto update não tenham sido revelados — teremos de aguardar para ver.

·   •   ·

Essas são as nossas apostas, desejos e previsões para a Apple em 2019. Agora, é a sua vez: o que você quer ver apresentado no palco do Steve Jobs Theater ou anunciado na primeira página do Apple.com? Deixe suas opiniões logo abaixo. 😊

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes