Imagem de destaque

Qualcomm deposita €1,34 bilhão para garantir banimento de iPhones na Alemanha

A (aparentemente) eterna disputa judicial entre Apple e Qualcomm parece não ter fim e os capítulos agora estão chegando com mais frequência que nunca. Os acontecimentos recentes vêm diretamente da Alemanha, onde recentemente uma corte local decidiu que a Apple deveria interromper a venda de alguns modelos de iPhones no país porque eles estariam infringindo patentes da gigante dos microchips.

Logo que a decisão judicial foi proferida, a Apple anunciou que deixaria de vender os iPhones 7 e 8 imediatamente nas suas lojas, mas os aparelhos continuariam sendo vendidos em revendedoras autorizadas e lojas de operadoras. Agora, a Qualcomm apresentou uma caução de €1,34 bilhão (cerca de R$5,7 bilhões) para que o banimento em território alemão entre em vigor — e a Apple possa ser indenizada pelos prejuízos caso a liminar seja revertida.

Mais precisamente, o depósito feito pela empresa é uma “garantia” para que a ordem judicial entre em efeito imediato e somente agora a Apple fica obrigada a interromper a venda dos iPhones na Alemanha; a empresa apenas se adiantou ao anunciar a suspensão no fim do mês passado.

O que permanece sob dúvida é a comercialização dos iPhones 7 e 8 em outras lojas e operadoras. Ora, se a Alemanha está emitindo uma ordem que impede a comercialização dos modelos como um todo no país, não parece fazer sentido que apenas a Apple pare de vendê-los mas eles continuem disponíveis para compra no país, certo?

A Qualcomm deverá tratar desse assunto nas próximas rodadas da disputa com a Maçã nos tribunais — que, aliás, devem estar bem próximas: a Apple está recorrendo da decisão e as duas partes se reencontrarão muito em breve para novas rodadas de negociações e troca de amabilidades.

Que confusão, viu…

via Apple World Today

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes