Juiz reduz danos que a Apple terá que pagar à WiLAN de US$145 para apenas US$10 milhões


Em agosto do ano passado, a Apple foi condenada por um júri de San Diego (Califórnia, Estados Unidos) a pagar US$145,1 milhões à WiLAN — uma clássica “patent troll”, subsidiária da companhia Quarterhill.

Hoje, em resposta a uma apelação protocolada pela Apple, o juiz Dana Sabraw reiterou que ela estaria de fato infringindo as patentes 8.457.145 e 8.537.757 da WiLAN, relacionadas com tecnologias de comunicação sem fio no iPhone, mas reduziu os danos que a empresa terá que pagar para apenas US$10 milhões.

Sabraw também deu como alternativa à WiLAN a possibilidade de descartarem o julgamento anterior e iniciarem um novo que novamente determinará a quantia que a Apple terá que pagar a ela.

Em comunicado, a WiLAN disse estar “aberta a um acordo justo e razoável com a Apple” — mas dificilmente a Apple negocia com “patent trolls”.

via Patently Apple

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes

Relatório de erro de ortografia

O texto a seguir será enviado para nossos editores: