Apple adquire a Pullstring, startup especializada em aplicativos de voz

O Axios informou hoje que a Apple adquiriu a Pullstring, uma startup de San Francisco especializada em aplicativos de voz.

A empresa foi fundada em 2011 por um grupo de ex-executivos da Pixar, e originalmente foi usada para dar voz a brinquedos interativos (como por exemplo, Hello Barbie). Mais tarde, ela ampliou sua abordagem após os lançamentos de produtos como Amazon Echo e Google Assistente — com sua tecnologia podendo ser utilizada para criar e publicar aplicativos de voz para tais produtos.

De lá para cá, ela recebeu investimento de US$44 milhões e, de acordo com a PitchBook, estava avaliada em US$160 milhões. Apesar disso, o Axios disse que o negócio girou em torno de US$30 milhões, com mais US$10 milhões em possíveis earn-outs para executivos — incluindo o CEO1 Oren Jacob, que já trabalhou como CTO2 da Pixar.

Por que comprar uma empresa dessas? Simples: Siri. Podemos dizer que a própria Apple criou o mercado de assistentes digitais ao lançar a Siri junto ao iPhone 4s. Mas de lá para cá, tanto Amazon quanto Google fizeram um ótimo trabalho com as suas assistentes respectivas assistentes (Alexa e Google Assistente), deixado a Maçã para trás.

Facilitar a criação de apps que utilizem comandos de voz e, quem sabe, transformando a Siri numa plataforma mais aberta e amigável, ajudará bastante a empresa a brigar de igual para igual nesse disputado mercado.

Nesta semana também noticiamos que a Apple adquiriu a DataTiger, uma startup inglesa de marketing digital.

via MacRumors

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes