Apple contratou chefe de modem 5G da Intel antes de acordo com a Qualcomm

Após o famigerado acordo entre a Apple e a Qualcomm, firmado há duas semanas, a relação entre a gigante de Cupertino e a Intel (previsivelmente) mudou de curso. Apesar da parceria, alguns acordos comerciais e projetos da fabricante foram alterados e até mesmo cancelados.

Ainda que muitas mudanças tenham ocorrido após a divulgação do acordo de paz entre as gigantes da tecnologia, certos planos entre a Maçã e a Intel marinavam há algum tempo. Em um deles, a Apple contratou o principal desenvolvedor da tecnologia 5G da Intel semanas antes de se realinhar com a Qualcomm, como informou o The Telegraph1.

De acordo com o relatório, um email da Intel vazado explicou que Umashankar Thyagarajan foi contratado pela Maçã em fevereiro passado; em Cupertino, o engenheiro entrou para a equipe de arquitetura de chips da Maçã, como descrito no perfil do LinkedIn dele. No email vazado, os executivos da Intel Messay Amerga e Abhay Joshi explicaram que o engenheiro desempenhou um papel fundamental no desenvolvimento dos chips implantados nos iPhones XS, XS Max e XR.

Thyagarajan trabalhou na Intel por mais de sete anos e, nos últimos três, atuou como “diretor sênior” de engenharia de chips da empresa, incluindo o projeto do modem 5G “XMM 8160”, destinado aos futuros iPhones. A saída do engenheiro da Intel foi, inclusive, um dos grandes motivos para a empresa “remodelar” (ou melhor, cancelar) o desenvolvimento da sua tecnologia 5G.

Leia também

Embora ruim para a Intel, a contratação de Thyagarajan pela Apple certamente contribuirá para o desenvolvimento de chips da Maçã. Como divulgamos, a companhia tem dedicado bastante trabalho na fabricação de seus próprios modems, ainda que, por agora, os próximos chips de iPhones sejam de responsabilidade da Qualcomm (ao menos a partir de 2020).

via 9to5Mac

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes