Apple Pay ganha suporte a tags NFC para compras instantâneas

Steve Moser

Imagem de destaque

Estamos há exatamente três semanas da WWDC19, mas a Apple já está se adiantando em relação a algumas novidades. A vice-presidente da empresa responsável pelo Apple Pay, Jennifer Bailey, subiu hoje ao palco da conferência TRANSACT (em Las Vegas) para anunciar uma novidade relacionada ao sistema de pagamentos da Maçã: o suporte a tags NFC para compras instantâneas.

O que isso significa, na prática? Hoje, para usar o Apple Pay em seu iPhone ou Apple Watch, é necessário um terminal de pagamento “completo” que ative o serviço e faça as comunicações necessárias para a transação. Com a novidade, essa obrigação fica no passado. O usuário pode simplesmente encostar o smartphone ou relógio numa tag NFC e o Apple Pay será ativado, realizando o pagamento do mesmo jeito — não há a necessidade de baixar um aplicativo ou nada do tipo.

O recurso beneficia muito os provedores de serviços automatizados, por exemplo. Com a novidade, usuários poderão usar dispositivos de micromobilidade (como os patinetes e as bicicletas elétricas que estão se proliferando pelo Brasil), parquímetros e terminais de self-checkout com muito mais facilidade — bastará encostar o iPhone ou Apple Watch na tag NFC, autenticar sua identidade com o Face/Touch ID e pronto.

A Apple anunciou três parceiras que abraçarão o novo recurso já na sua estreia, todas nos Estados Unidos: a plataforma de patinetes elétricos Bird, a loja de roupas Bonobo e a rede de parquímetros PayByPhone. Segundo a Maçã, a novidade será disponibilizada até o fim do ano — até lá, outras empresas deverão manifestar interesse pela funcionalidade e se juntar às três supracitadas.

Para complementar as boas novas, a Maçã anunciou ainda um recurso complementar que deverá chegar em breve: a possibilidade de o usuário se inscrever ou assinar um serviço automaticamente pelo app Wallet. Com isso, além de pagar rapidamente pelo serviço de um patinete elétrico, por exemplo, seria possível se cadastrar na plataforma em questão com apenas um toque para aproveitar benefícios e descontos da empresa. A Apple não deu mais detalhes sobre quando essa ferramenta chegará, entretanto.

Leia também

Também não sabemos, ainda, se o recurso é inicialmente exclusivo para os EUA ou se seu funcionamento será global logo de cara. Para isso, teremos de aguardar mais informações — que, muito possivelmente, serão reveladas na Worldwide Developers Conference.

via 9to5Mac

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes