Apple celebra Dia Mundial da Acessibilidade com página especial e histórias comoventes

Hoje, terceira quinta-feira do mês de maio, é comemorado o Dia Mundial de Conscientização da Acessibilidade, que — como o próprio nome já diz — celebra e incentiva iniciativas que ajudem pessoas com deficiências, limitações e necessidades especiais, seja direta ou indiretamente. A Apple, claro, não ficou de fora das celebrações.

Apple.com

Acessibilidade no site da Apple

A empresa começou o dia destacando na página principal do seu site, em várias localidades (incluindo o Brasil), sua página de acessibilidade com uma frase de impacto: “Uma tecnologia só fica poderosa quando seu poder é para todos.” Vale notar que essa página já existe há algum tempo, trazendo uma série de informações interessantes sobre as iniciativas de inclusão de pessoas com deficiência nos produtos e sistemas da Apple.

App Store

A seção “Hoje” da App Store passou a exibir quatro histórias de usuários com deficiências: temos os casos de Lee Ridley (um comediante que nasceu com paralisia cerebral), Simon Wheatcroft (um atleta com perda total de visão), Emman Twe (um DJ que teve um dos braços amputados ainda durante a infância) e Brandon Cole (consultor de acessibilidade para desenvolvedores que é cego).

A App Store também destacou, como era de se esperar, uma série de aplicativos dedicados à acessibilidade, tais como: Read2Go, Voice Dream Reader, Deaf Wake, Speechify, Keeble e muito mais — além do Atalhos, da própria Maçã, que também pode ser um grande aliado de usuários com certas limitações.

Rachael Short

Vale destacar também o perfil publicado na central de notícias da empresa sobre a fotógrafa Rachael Short, que ficou tetraplégica após um acidente de carro sofrido aos 28 anos.

Durante o período de recuperação (de mais de um ano), Rachael ganhou um iPhone 4 da melhor amiga e redescobriu o amor pela fotografia; desde então, ela usa apenas iPhones para o seu trabalho pela mobilidade e facilidade de uso, preferindo focar na imagem em vez do equipamento. Hoje, ela usa um iPhone XS e o app Hipstamatic para fazer suas fotos, com edições feitas no Snapseed.

O próprio Tim Cook comentou a história no Twitter:

O Dia Mundial de Conscientização da Acessibilidade é uma oportunidade que nós temos de celebrar o que faz cada um de nós pessoas únicas. Obrigado, Rachael, por compartilhar suas fotografias magníficas com o mundo. Que orgulho de ver a Apple fazer parte do seu trabalho. #shotoniPhone #GAAD2019

·   •   ·

Muito legal, não?

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes