Toshiba recomprará divisão de memórias vendida para Apple e outras empresas

Imagem de destaque

No fim de 2017, nós informamos que Apple e outras empresas (Dell, Kingston e Seagate) fecharam um acordo com a Toshiba a fim de comprar a divisão de memórias da japonesa. Pois agora, de acordo com o Wall Street Journal, a Toshiba recomprará essas ações vendidas para o consórcio.

Leia também

Por quê? Bem, o acordo inicial aconteceu a fim de evitar uma aquisição por parte da Western Digital, o que teria basicamente reduzido a concorrência no mercado.

Passado o período turbulento, a Toshiba Memory está procurando um refinanciamento e negociou US$11,8 bilhões em empréstimos de bancos japoneses com o intuito de se tornar uma empresa pública. Esse refinanciamento é suficiente para ela recomprar as suas ações do consórcio supracitado.

É claro que nada disso foi feito “apenas” para evitar um possível monopólio da WD: com a venda das ações para a Toshiba, Apple, Dell, Kingston e Seagate deverão lucrar alguns bons milhões (pensando num investimento de curto prazo para esse, sem dúvida, um ótimo negócio).

Ainda assim, o resultado final dessa transação envolvendo a Apple será bastante benéfico para a empresa — afinal, teremos um mercado mais competitivo e com preços de componentes possivelmente mais em conta para a Maçã utilizar em seus produtos.

via 9to5Mac

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes