Previsões para a WWDC19: iPad e Apple Watch independentes, iTunes morto e mais!

Imagem de destaque

Faltam apenas quatro dias para a WWDC19, e, como era de se esperar, a máquina de rumores das novidades que serão apresentadas na conferência está mais ativa do que nunca. Hoje, Mark Gurman (da Bloomberg) publicou um apanhado de tudo o que ele ouviu das suas fontes extremamente certeiras nos últimos tempos — e nós cobrimos todas as principais previsões aqui.

Fim do iTunes

iTunes

Esse é um tópico polêmico desde que os rumores se iniciaram: a morte do iTunes já era tida como provável há alguns meses, mas as especulações mudaram de direção quando descobriu-se que a Apple manteria o infame aplicativo como base do novo app Música, que não seria — ao contrário do previsto — baseado no “Projeto Marzipan”.

Gurman confirmou que o iTunes como conhecemos hoje morrerá, dando lugar a um trio de novos aplicativos para o Mac: Música, Apple TV e Podcasts. Segundo o rumor, usuários poderão gerenciar seus iGadgets por meio justamente do app Música — o que, mais uma vez, evidencia que o software será de fato um “herdeiro” do iTunes com menos funções. Ou seja, é uma morte, mas não uma morte completa.

Apple Watch independente

Corroborando rumores ventilados anteriormente, Gurman afirmou também que o Apple Watch vai ganhar uma nova dose de independência do iPhone com o watchOS 6. O relógio ganhará uma App Store própria — o que pode reverter o cenário de desenvolvedores abandonando a plataforma aos montes — e terá novos apps nativos, como uma calculadora e um gravador de voz para chamar de seus. Também teremos novos recursos de mensagem, embora não esteja claro como isso se dará.

iPad mais poderoso

Novo iPad Air

Não é segredo para ninguém que a Apple quer transformar o iPad (ou o iPad Pro, mais especificamente) num substituto capaz para o computador pessoal. No iOS 13, essas ambições ficarão ainda mais claras: segundo as fontes ouvidas por Gurman, a atualização trará grandes novidades para os tablets, como novos recursos na tela inicial e de multitarefa — dando mais uma razão para que usuários abram mão de seus Macs/PCs em prol dos dispositivos sensíveis ao toque.

Apps universais

A Apple deverá aprofundar mais sua investida no “Projeto Marzipan”, que leva apps do iOS ao macOS, de forma a dar mais um passo no projeto de unificação do ecossistema da empresa — isto é, um projeto em que todos os apps rodariam em todos os produtos da Maçã, sem grandes modificações.

O processo ainda deverá levar alguns anos, mas a Apple apresentará mais alguns aplicativos passados pela transição. A empresa também lançará, segundo Gurman, atualizações para aplicativos como o Lembretes e o Saúde (mais sobre ele a seguir), bem como novidades no Mapas, no Mensagens, no Livros, no Casa e no Mail — além da já especulada fusão do Buscar Meu iPhone com o Buscar Meus Amigos.

Saúde

Novas habilidades serão adicionadas à plataforma de Saúde da Maçã. Pessoas com problemas auditivos, por exemplo, poderão receber avisos em seus dispositivos quando o som ambiente de um local estiver muito intenso ou quando o volume de reprodução de seu iPhone ou Mac estiver muito alto; o suporte a aparelhos auditivos será expandido.

Dados de Saúde do iOS

iPhone e Apple Watch ganharão uma ferramenta nativa de monitoramento do ciclo menstrual, enquanto o relógio terá também um recurso de lembrete para que as pessoas lembrem-se de tomar seus remédios.

·   •   ·

E aí, o que acharam? Animados?

via Cult of Mac

Posts recomendados
Comentários

O Modo Escuro foi ativado ou desativado.
Atualize esta página para ver os comentários.


Carregar mais posts recentes