Amor de perdição

Software faz vítimas em sites de namoro

[…] A empresa (PC Tools) enfatiza que o programa exibe um nível inédito de imitação do comportamento humano. Desenvolvido na Rússia, o CyberLover opera com diferentes perfis, que vão desde o “romântico” até o “predador sexual”. O software é programado para reconhecer as respostas dadas pelos interlocutores humanos e reagir de forma adequada. Segundo a PC Tools, é praticamente impossível desconfiar que não existe uma pessoa do outro lado […]

Com a devida vênia à Camilo Castelo Branco, pela usurpação do título de sua grande obra prima, temos uma nova praga para atormentar nossa vida online. Pelo visto, o CyberLover afeta, tão somente, sites de busca de parceiros, os quais até fizeram um relativo sucesso aqui no Brasil, no final da década de 90 do século passado. O que realmente me preocupa é a migração dessa tecnologia para propósitos mais nefastos. Devemos, como sempre, ficar atentos.

Posts relacionados

Comentários