Yahoo! mais uma vez nega proposta da Microsoft

O Yahoo! negou na noite deste sábado a última proposta de união realizada pela Microsoft e o investidor Carl Icahn, que sugeria uma reestruturação e a venda do negócio de buscas do Yahoo! para a Microsoft. Depois de contrariar lances hostis da gigante de softwares por meses, o Yahoo! sugere que ela faça uma oferta para adquirir toda a companhia (e não apenas a parte que lhe interessa).

Publicidade

De acordo com informações divulgadas pelo próprio Yahoo!, esta última proposta foi feita na sexta-feira e apenas 24 horas foram dadas para uma resposta. A diretoria do Yahoo! considera seu recente acordo com o Google financeiramente superior e menos arriscado, ainda mais com a impossibilidade de venda de toda a empresa por um “preço cheio e justo”. Ela também rejeitou o plano proposto de substituir imediatamente a diretoria e equipe de gerenciamento do Yahoo!.

Microsoft not Yahoo!

“Esta estranha e oportunista aliança da Microsoft com Carl Icahn veio com tudo, menos com uma preocupação com os interesses dos acionistas do Yahoo!”, afirmou Roy Bostock, presidente do Yahoo!.

Publicidade

“A Microsoft claramente falhou nos seus projetos de busca e por isso decidiu se unir aos objetivos de curto prazo do Sr. Icahn para forçar o Yahoo! a vender seus bens básicos de busca sob termos que são super vantajosos para a Microsoft, mas péssimos para acionistas do Yahoo!. A diretoria do Yahoo! não permitirá que isso aconteça. O time permanece aberto para qualquer proposta que proporcione um valor cheio para nossos acionistas — só não achamos que esta deva ser ditada pela Microsoft e um único investidor a curto prazo”, continuou.

“É ridículo achar que nossa diretoria aceitaria tal proposta. Esse tipo de comportamento errático e imprevisível é típico do que poderíamos esperar da Microsoft, por isso não mergulharemos numa transação que não atenda aos melhores interesses dos nossos acionistas”, concluiu Bostock.

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…