De graça, até injeção na testa! IX

😀 Notou meu sorriso? Sinal de coisa boa! Deixa eu sorrir de novo: 😀 As músicas desta semana foram escolhidas a dedo e, apesar de não representarem uma variedade muito ampla de gêneros musicais, caíram muitíssimo bem no meu gosto pessoal e, por isso, estou que sou todo sorrisos. Sua experiência pode variar, é claro, mas eu digo que esta semana tem tudo para ser uma das melhores, em termos de músicas gratuitas na iTunes Music Store! Sem mais delongas, vamos a elas! 😀 (again)

Toda semana encontramos uma faixa de um artista ou banda de que gostamos e a trazemos até você, gratuitamente, como nosso Single of the Week. Esta dupla de irmãs mistura influências de country, pop e rock em seu novo álbum, Habitación Doble. Trata-se de uma balada arrebatadora que recebeu uma ajudinha da cantora/compositora Brandi Carlile. Fãs antigos da Ha-Ash poderão notar uma grande diferença aqui — a faixa está em inglês. As irmãs ganharam notoriedade nas listas de sucessos mexicanas devido a seu pop inteligente e de raízes, mas diversificaram-se mais neste novo álbum.

Eu gosto de baladinhas. Gosto de baladinhas cantadas por pessoas que combinam com adjetivos no diminutivo. Difícil de acreditar que Hanna e Ashley são latinas, com esses nomes, mas vou deixar de lado o fato de que elas parecem ultra-hiper-posers e me concentrar no áudio. Elas são competentes nos arranjos musicais e o vocal de “Already Home (with Brandie Carlile)” (link para a iTunes) soa bem maduro para duas meninas — talvez por conta da mãozinha da Brandie. Há muito girl power! e mensagem positiva nesta faixa, lembrando um pouco o estilo geral de cantoras proterozóicas mais experientes, como Céline Dion (a qual, por mais que odeie admitir, eu admiro). Ponto prás garotas, pois “Already Home” tem tudo para aparecer na trilha sonora dos próximos filmes da Reese Witherspoon! IMHO: 4/5 Extra-bônus para o violão super relaxante ao longo de toda a canção.

Nosso Discovery Download põe em foco um gênero diferente a cada semana, oferecendo gratuitamente uma faixa que julgamos merecer sua atenção. Abulete-se, agarre as batatinhas e afunde na vibe ensolarada. A dupla estreante Little Jackie se faz de repórter de rua em “The Stoop”, retransmitindo o zum-zum da cidade grande a partir dos degraus de uma mansão do Brooklyn. Imani Coppola é responsável pelos vocais em livre fluxo pop/R&B, enquanto o artesão das batidas Adam Pallin leva o crédito pela produção — um ritmo empolgante à la Motown, cheio de cornetas e teclas. Classifique-a como algo entre Amy Winehouse e Lauryn Hill.

Pensamento ao ver o nome do artista: “Zeeero à vista!…” Eu imaginava estar diante de um novo SLO-O. Ledo engano… Pensamento ao ouvir os primeiros 5 segundos: “OMG! Não, sério, OMG!!!” Embalo gostoso e animado: ok! Vocais variados e competentes: ok! Instrumentos indissociáveis do vocal: ok! Gênero: Rock…? Tá mais pra Sugar Pop. Enfim, deixa pra lá! Todas os elementos de “The Stoop” (link para a iTunes) mesclam-se harmoniosamente, dando um resultado final que é maior que a soma das partes. Sério: se você perder esta, vai se arrepender pra sempre! Imani Francesca Coppola tem tudo para decolar, vai por mim. 😀 IMHO: 4/5 Perdeu a nota máxima só por causa do fade out medonho no fim… triste, porém verdade. 🙁

Toda semana encontramos uma faixa de um artista ou banda que está na crista do sucesso e a trazemos até você, gratuitamente, como nossa Canción de la Semana. Esta dupla de irmãs mistura influências de country, pop e rock em seu novo álbum, Habitación Doble. Hanna e Ashley Pérez Mosa dispararam nas listas de sucesso mexicanas graças a canções como “Amor a Medias” e “Me Entrego a Ti”, de seu álbum anterior, Mundos Opuestos. Este novo álbum é rico em pop inteligente e de raiz, mais notavelmente na balada arrebatadora que destacamos esta semana.

Não, não é problema no post: a iTS disponibilizou a mesma música duas vezes. 😛 Se você gostou da versão em inglês, mas quer praticar seu espanhol ou simplesmente prefere a musicalidade natural da língua latina, então sinta-se convidado a delirar com “Already Home (Spanish Version)” (link para a iTunes). Tudo bem, que o título da versão em espanhol é em inglês — o “correto” seria “Ya En Casa”? –, mas não vamos exigir muito dos produtores das moças, né? Eu, particularmente, prefiro a versão em inglês, pois os vocais em espanhol lembram miadinhos de colegiais japonesas, mas sua experiência pode variar. Aliás, eu queria saber por que o tom de voz da mulher latina-não-brasileira costuma ser tão mais alto que o das moças de nossa terra. IMHO: 3/5 O vocais soam quase como RBD, apesar de contar com toda a riqueza auditiva da versão em inglês.

… 🙂

Surpresa! Acha que acabou? Tem mais!… Não pela iTunes Music Store, mas diretamente de seu site, temos hoje a participação especial da banda Klethus, com seu álbum Direção — que, detalhe, foi inteiramente gravado na plataforma Mac, mediante o uso de três MacBooks Pro, de acordo com um dos integrantes da banda. Direção está integralmente disponível para download na página da banda. De graça? Até injeção na testa: dê uma ouvidinha e tire suas conclusões! O resultado pode agradar bastante. 😉

Klethus em grego significa “escolhidos” e quem conhece a banda tem essa impressão, que eles realmente foram eleitos para passar mensagens que falem de amor, política, cotidiano, que não fiquem só nos refrões de letras vazias e sem nexo, que a toda hora estouram nas rádios. (…) A combinação rock e mensagem positiva não vem isolada, está aliada à inteligência e ao senso de humor –- algo fundamental –- que o grupo possui. Quem conversa com eles, logo nota que não são mais um grupo com a pretensão de fazer shows e conseguir o estrelato, mas pessoas que procuram por meio de atitudes e palavras fazer o diferente, quebrar paradigmas.

Avaliar um álbum inteiro é beeem mais complicado que um faixa isolada… O que eu posso dizer, a respeito de Direção? Bem, pra começo de conversa, os arranjos instrumentais da banda são de arrepiar: teve horas em que eu esqueci completamente que estava ouvindo uma banda brasileira que não está em todas as rádios. Entretanto, há um pequeno “senão”: os vocais ainda carregam um pouco a marca das bandas menores, um je ne sais quoi que faz você pensar “Soa como aquela banda de um amigo meu…” No geral, as faixas carregam bastante essas duas características: instrumentos e arranjos nota 10, vocais nota não-tão-10. Deixo a dica de que “É Preciso Acreditar” é muito legal, assim como “Estado de Espírito”: ambas estão recomendadíssimas, pode passar no site da banda, que vale a pena. As demais são interessantes, especialmente se você curtir música engajada e/ou com temas religiosos, mas não me apeteceram tanto quanto as duas supracitadas. IMHO: 3/5 Instrumentos indefectíveis, vocais precisando de um pouco mais de trabalho e eu apreciaria um álbum um tantinho só mais laico.

That’s all folks! Semana que vem, estarei aqui para trazer mais novidades — sem nenhum rebote cármico por conta da qualidade desta semana, espero. Até lá! 🙂

Caso você ainda não seja cadastrado na iTS americana, recomendo a leitura deste post.

Posts relacionados

Comentários