Macworld Expo 2009: novo iWork.com leva suíte para a web

Confirmando os rumores, Phil Schiller apresentou hoje um novo serviço, o iWork.com. Ele permitirá o compartilhamento online de documentos, planilhas e apresentações com seus amigos ou colegas de trabalho.

6-macworld-iworkdotcom

Cada colaborador convidado poderá adicionar notas, fazer comentários e ainda será notificado toda vez que ocorrer uma atualização. Sendo baseado na web, todos os projetos publicados estarão acessíveis ao alcance de um clique no navegador, tornando-o compatível tanto com Macs quanto com PCs. Não será preciso uma plataforma específica para utilizá-lo. Basta publicar seus documentos em sua conta, convidar e pronto.

6-macworld-iworkdotcom-offonPara os usuários do iWork’ 09, o procedimento é ainda mais simples. Keynote, Pages e Numbers estão totalmente integrados ao serviço e, com um único clique no botão “iWork.com” — presente na barra de ferramentas —, o documento é enviado automaticamente. O Mail enviará para cada contato uma URL única.

As fontes, cores, gráficos e fotos escolhidos por você para ilustrar o seu trabalho serão enviadas para a versão online sem nenhuma perda. O compartilhamento de documentos nunca foi tão rico e fiel. Textos criados no Pages, planilhas no Numbers, ou apresentações do Keynote podem ser modificados online sem problemas, pois o iWork.com atualizará as versões hospedadas no seu computador.

Através de notas e comentários, membros de uma equipe poderão discutir detalhes e incrementar ainda mais o resultado final. Um registro com todas as sugestões e mudanças estará disponível para consulta com o registro do momento e a alteração feita, para que todos saibam quem executou cada modificação.

6-macworld-iworkdotcom-sharedUm gerenciador interno facilita o manuseio de arquivos, e num único lugar é possível saber quais documentos foram compartilhados, quem tem ou teve acesso a eles e quais possuem notas não lidas.

Introduzido ainda em fase beta, o novo serviço é gratuito até o lançamento da sua versão final e já pode ser utilizado, requerendo apenas o uso de uma Apple ID.

Talvez seja o momento de o Google começar a se preocupar com o Google Docs. O press release oficial do produto pode ser lido aqui.

Posts relacionados

Comentários