Intego anuncia novos pacotes de segurança para Mac OS X

Durante a Macworld Expo 2009, a Intego anunciou quatro grandes novidades na plataforma Mac quanto a soluções de segurança. Foram lançadas novas versões dos seus pacotes de anti-vírus para clientes e servidores, além de uma nova solução para a aplicação de controles parentais em contas de usuário no Mac OS X.

VirusBarrier X5
VirusBarrier X5

Solução anti-vírus direcionada a clientes, o VirusBarrier X5 foi atualizado com a versão 10.5.6 — que é gratuita para quem já possui o aplicativo. No geral, foram aprimoradas as suas operações de verificação e agendamento de varreduras, além de trazer soluções para algumas falhas.

Além dele, o VírusBarrier Server 2 e o VirusBarrier Mail Gateway 2 também foram atualizados, oferecendo proteção ainda mais ampla para servidores que rodam o Mac OS X Server. Eles custam US$300 e US$500, respectivamente, sendo que a atualização é gratuita para quem já possui o produto.

VirusBarrier Mail Gateway 2
VirusBarrier Mail Gateway 2

Por fim, foi lançado o novo ContentBarrier X5, solução destinada à aplicação de controles e filtros para usuários não-administradores do sistema. Com ele, você pode barrar o acesso de usuários a certos aplicativos e/ou protocolos de rede — o que é comum em jogos online —, além de poder gerar relatórios com estatísticas de navegação pela internet ou atividades em mensageiros instantâneos, email e outros.

ContentBarrier X5

O ContentBarrier X5 requer o Mac OS X 10.4 ou superior e custa US$50, sendo que o upgrade sai por US$35.

Antes de considerar a aquisição de alguma solução de segurança, caso você ache que é preciso, é importante lembrar que ainda não existem vírus para o Mac OS X. Atualmente, anti-vírus são imprescindíveis apenas em algumas empresas, que geralmente tornam essa instalação obrigatória, pois ajuda a reconhecer ameaças para o Windows, de forma a evitar que vírus se espalhem por suas redes. Até o momento, todas as ameaças que supostamente afetam usuários de Mac requerem o consentimento do usuário para serem instaladas, pois isso é impossível de forma não-autorizada.

[Via: Macworld.]

Posts relacionados

Comentários