Belkin complica-se com anúncios de reviews positivas pagas na web, mas reconhece erro

Esta semana começou mal para a Belkin. Há alguns dias, o Daily Background divulgou a informação de que a companhia estaria com anúncios na web (mais especificamente, no Mechanical Turk, da Amazon) requisitando reviews positivas de seus produtos — e pagando por elas, é claro.

Belkin na Amazon

Diante de tamanha repercussão negativa da descoberta, o presidente da Belkin, Mark Reynoso, veio a público se desculpar pelo ocorrido. Segundo ele, o anúncio teria sido veiculado por um dos seus empregados, sem a sua permissão: “A Belkin não participa e não apoia práticas anti-éticas como essa”, afirmou ele.

O nome do responsável é Michael Bayard, que identifica-se no seu perfil do LinkedIn (já fora do ar) como um “representante de desenvolvimento de negócios” da Belkin. Mark, porém, não comentou nada sobre uma possível demissão.

Posts relacionados

Comentários