Tim Berners-Lee (o criador da WWW) fala com a imprensa no segundo dia da Campus Party Brasil 2009

Junto com o Rafael, estive presente agora há pouco em uma coletiva de imprensa com Tim Berners-Lee, o criador da WWW (World Wide Web). Atualmente, ele lidera o consórcio W3C, que define padrões para a rede. Além disso, também está à frente das discussões sobre Web Semântica, extensão da internet atual que poderá permitir aos computadores e humanos trabalharem em cooperação.

Entrevista com Tim Berners-Lee na Campus Party 2009

Tim sugere o uso de plataformas abertas para comunicação em rede, nas quais o usuário possua total controle e posse dos dados que queira compartilhar com os diferentes serviços disponíveis atualmente na internet. Na sua opinião, ela possui infinitas possibilidades de uso. “É como uma tela em branco que as pessoas podem usar para criar o que quiserem”, disse.

Entrevista com Tim Berners-Lee na Campus Party 2009

No futuro, o criador da web prevê que ela estará disponível para todas as pessoas, em todos os lugares possíveis, através de pontos de acesso que vão além dos computadores e dos dispositivos móveis aos quais estamos habituados. Ele não dá importância específica aos celulares e smartphones, acreditando na idéia de que vários outros dispositivos oferecerão conectividade com a grande rede.

Entrevista com Tim Berners-Lee na Campus Party 2009

Com base nessa idéia de total disponibilidade de acesso à internet por meio de uma ampla variedade de aparelhos, a rede deverá deixar de exigir restrições comerciais quanto a determinados tipos de conteúdo. O usuário deverá possuir um controle muito maior do que ele deixa disponível. Empresas, universidades e centros de pesquisa estarão ainda mais presentes no meio virtual do que vemos hoje em dia, tornando-o ainda mais essencial e útil para as nossas vidas.

Diante disso, Tim não mantém o foco em apenas uma das inovações que podem ser encontradas atualmente na internet. “O Twitter é uma ótima forma de se comunicar, por exemplo, mas é muito fácil você encontrar algo mais interessante hoje em dia. Ainda há muitas inovações que estão por vir na web atual”, disse.

Posts relacionados

Comentários