Fabricante de clones de Mac alemã diz ser imune à Apple

E parece que a HyperMegaNet UG, fabricante dos “novos” clones de Macs PearC sediada na Alemanha, já está pronta para brigar com a Apple na justiça, caso seja preciso.

Site da HyperMegaNet para os PearCs

Num FAQ publicado em seu site, a empresa cita uma lei alemã que só torna contratos de uso (EULAs) válidos caso o usuário tenha que lê-los _antes_ de efetuar a compra. A cláusula se aplicaria tanto a softwares quanto a sistemas operacionais — incluindo, evidentemente, o Mac OS X 10.5 Leopard.

Em outras palavras, a legislação da Alemanha está sempre ao lado do consumidor. Por isso, a HyperMegaNet crê que o seu negócio seja legal no país, ainda que ela pretenda comercializar PearCs também na Áustria, Bélgica, Dinamarca, Finlândia, França, Grécia, Irlanda, Itália, Holanda, Polônia, Espanha, Suécia e no Reino Unido.

“Primeiro, tentaremos resolver o caso com a Apple fora dos tribunais”, disse Dirk Bloessl, um porta-voz da HyperMegaNet em Wolfsburg, na Alemanha. “Mas, se for necessário, não temos medo de brigar com ela na justiça.” Por enquanto, o esquadrão macieiro ainda não entrou em contato, nem respondeu a chamados da imprensa sobre o assunto.

Enquanto isso, continua quente a batalha entre a Apple e a Psystar nos Estados Unidos. Se esta última sair vencedora, a firma de Cupertino poderá enfrentar uma avalanche de novas fabricantes de clones de Macs em todo o mundo.

[Via: Macworld UK.]

Posts relacionados

Comentários