Cinco brasileiros são finalistas da Orquestra Sinfônica do YouTube

O Google anunciou hoje os finalistas da Orquestra Sinfônica do YouTube (YouTube Symphony Orchestra), primeiro concurso online para descobrir e incentivar talentos da música clássica em todo o mundo.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=7oL99vzBUp8[/youtube]

A partir de agora, os internautas poderão eleger os músicos que irão compor a primeira orquestra colaborativa online do planeta. Os vencedores, que serão conhecidos no dia 2 de março, serão convidados a se apresentar em abril no Cargenie Hall, na cidade de Nova York, sob regência do maestro Michael Tilson Thomas, assessor artístico do projeto.

Desde o lançamento da iniciativa, em dezembro de 2008, a Orquestra Sinfônica do YouTube registrou 10 milhões de acessos em todo o mundo. Mais de 3 mil vídeos de músicos amadores e profissionais foram cadastrados. Participantes de mais de 70 países dos seis continentes aderiram a essa iniciativa.

Na primeira etapa do concurso, uma equipe de juízes das orquestras de Berlim, Hong Kong, Londres, Nova York e Sydney, entre outras, fizeram uma seleção preliminar para definir os 200 finalistas. A decisão final dos músicos caberá à comunidade.

A lista dos selecionados inclui cinco brasileiros:

  • LarissaFMattos (Brasil) – Violoncelo – Prelúdio Nº1 de Bach
  • abtrompetistas (Brasil) – Trompete – Concerto para Trompete de Haydn
  • joarezfrenchhorn (Brasil) – Trompa – Concerto Nº 12 de Mozart
  • 6ok4e (Brasil) – Violino – Bach
  • yomieto (Brasil) – Baixo – Mendelssohn Symphony No, 4 (Italian)

Há também outros representantes da América Latina:

  • cesarbwv (Chile) – Violino – Solo Sonata No. 1 de Bach
  • jhonwiltrbcolombia (Colômbia) – Trombone – Mozart
  • claricat (Costa Rica) – Clarinete – trecho de O Sonho de Uma Noite de Verão de Mendelssohn
  • intinsamente (México) – Viola – Rossini & Beethoven
  • manuelzogbi (México) – Violino – Presto de Bach
  • principalpicc (Venezuela) – Flautim – G. Rossini.

“É incrível ver tanta gente talentosa e com inspiração para alcançar o sonho de tocar música, não só no palco, mas também para uma audiência global por meio da plataforma YouTube”, diz Chaz Jenkins, da Orquestra Sinfônica de Londres.

Posts relacionados

Comentários