PC World lista os 10 principais aplicativos que não conseguiram entrar na iPhone App Store

Steve Jobs e App Store: boom!

De brincadeiras de mal gosto a títulos de “utilidade duvidosa”, desde que inaugurou a App Store, a Apple tem causado constantemente discussões calorosas na mídia e na blogosfera mundial quando determinados aplicativos, aguardados por muitos, são barrados e não conseguem ser disponibilizados para compra/download na loja.

Steve Jobs e App Store: boom!

Com a exceção de alguns casos em que a reprovação do time de Cupertino realmente fez sentido, algumas pisadas de bola e decisões precipitadas já irritaram muitos desenvolvedores, que só descobriram que não conseguiriam colocar seus trabalhos na App Store após tudo estar pronto para ir ao ar. Alguns deles, inclusive, desistiram de criar qualquer aplicativo/jogo para a plataforma iPhone no futuro.

A PC World compilou em um artigo de ontem os 10 principais apps rejeitados pela Apple nos últimos tempos. Comentamos sobre a maioria deles aqui no MacMagazine, mas a lista contou com algumas surpresas para nós:

  1. Obama Trampoline — Criado pela Swamiware, colocava políticos norte-americanos num trampolim.
  2. MyShoe — Usava o acelerômetro do iPhone para arremessar sapatos (em referência ao caso do jornalista que jogou um tênis contra o ex-presidente dos Estados Unidos, George W. Bush).
  3. I Am Poor — Mostrava imagens de Miojo, atum e macarrão com queijo na Home Screen do aparelho — mais ou menos o contrário do I Am Rich.
  4. South Park — Acesso a episódios da série, notícias e wallpapers.
  5. Pull My FingerUma vez banido, depois aprovado. É hoje um dos mais vendidos da App Store. Participa, inclusive, de um processo judicial aberto pelos criadores do iFart Mobile.
  6. iBoobs — Permitia balançar uma parte específica da anatomia feminina. Mas o Wobble continua lá. 🙂
  7. Slasher — Mostrava a imagem de uma faca e emitia um grito quando sacudida. Criado por Josef Wankerl.
  8. Muderdrome — Quadrinhos digitais considerados “quentes demais” para o iPhone.
  9. Podcaster — Possibilitava o download de podcasts diretamente pelo iPhone. Foi para o Cydia e hoje está na App Store com o nome de RSS Player.
  10. Freedom Time — Contagem regressiva dos momentos finais da última presidência dos EUA.

Você adicionaria mais algum a esta lista?

Posts relacionados

Comentários