Analista prevê netbook de US$600 da Apple; Hackintoshes se espalham

O analista Brian Marshall, da Broadpoint AmTech, afirmou ontem aos seus clientes que acredita que a Apple lançará um netbook/tablet já neste ano, ainda que seus executivos neguem rumores e investidores se preocupem com conflito entre linhas, abrindo possibilidade para canibalização de vendas de uma ou de outra.

Brian diz que a Apple precisa continuar crescendo no mercado e, para conquistar mais market share e aumentar seus ganhos por receita, “deverá competir no segmento de netbooks”. Sobre o computador em si, ele não acredita num conflito de linhas, visto que tal modelo teria menos recursos e uma funcionalidade menos robusta que os atuais laptops e desktops da Maçã.

Mac OS X no Dell Mini 9

De acordo com o Barron’s Online, o netbook da Apple deverá custar US$600 e trará um chip ARM, 16GB de espaço interno e uma tela de 10,1 polegadas, podendo gerar uma margem bruta de 35-40%. Sua previsão é que um produto do tipo poderá aumentar em US$0,15 o valor por ação da AAPL em 2009, e até US$0,40 no ano fiscal seguinte.

Enquanto o tal netbook com a maçãzinha não vem, o que não falta é gente fazendo de tudo para rodar o Mac OS X em máquinas não-autorizadas. O The Gadgeteer publicou recentemente um tutorial do HP Mini 1000, enquanto o Gizmodo criou um passo-a-passo muito bacana para o Dell Mini 9. Até no Sony VAIO P, parece que já conseguiram instalá-lo com sucesso. O problema, é claro, é que esse procedimento é considerado ilegal, por violar a EULA (contrato de uso) do sistema operacional da Apple.

Posts relacionados

Comentários