Apple passa dos limites e rejeita atualização de aplicativo devido a linguagem obscena usada por seus usuários

Trends no TweetieNão tem mais jeito: ou a Apple promove uma revolução na sua equipe de aprovação de títulos da iPhone App Store, ou ela mesma vai se detonar. A última? Uma atualização do aplicativo Tweetie foi rejeitada porque uma de suas abas — Trends (Tendências) — continha “linguagem obscena”, segundo reporta o desenvolvedor Loren Brichter.

Mas isso é conteúdo produzido pelos usuários do Twitter, pelo amor de Deus!! O Tweetie é apenas uma ferramenta. Ou, a partir de agora, um buscador do Google também não poderá ser usado no iPhone, já que dá acesso a conteúdos violentos, pornográficos e afins? E comunicadores instantâneos? Ai de quem usar pra safadeza virtual… Ah, e o iBeer por acaso é proibido para menores de 18 anos?

A contradição mais absurda e recente foi a negação de entrada do app do South Park. Ora, de fato ele contém linguagem pesada e termos inapropriados para menores, mas por que diabos episódios dele são comercializados sem problema algum na própria iTunes Store?! E podem ser assistidos muito bem em iPhones e iPods touch, diga-se de passagem.

Ah, só um detalhe: o Tweetie (link para a App Store) é o cliente de Twitter para iPhone mais bem vendido, figurando constantemente nos rankings de apps pagos mais populares da loja. Apesar de a nova versão 1.3 rejeitada trazer uma série de novidades, a atual, que continua no ar por lá, também oferece a mesma aba Trends — ou seja, está realmente tudo errado em Cupertino.

A Apple que se cuide, porque sozinha ela não está

[Via: The iPhone Blog.]

Posts relacionados

Comentários