Editor profissional de áudio Ardour chega à versão 2.8, agora nativo para o Mac OS X

Saiu esta semana a versão 2.8 do Ardour, uma estação de trabalho de áudio digital com código aberto, agora nativo para o Mac OS X — não requer mais o X11, porém ainda precisa que o Jack OS X esteja instalado.

Logo do Ardour

O programa oferece gravação multi-canal, edição não-destrutiva, suporte total a automação, mixagem, faixas e plugins ilimitados, sincronização de timecodes e muito mais.

A atualização também traz modelos (templates) de faixas/busses, suporte a VST distributível, compatibilidade com pré-definições VST e Audio Unit, além de outros aprimoramentos e correções de bugs.

Ardour

O Ardour requer o Mac OS X 10.4 ou superior e é um binário universal, sendo que ele também está disponível na plataforma Linux. O software é donationware: sua operação básica é gratuita, mas algumas funcionalidades — como pré-definições Audio Unit — só estão disponíveis para doadores.

Posts relacionados

Comentários