Apple corrige formulário 10-Q e acionistas aprovam “Say on Pay”

A Apple anunciou hoje uma correção para o formulário 10-Q que enviou na semana passada à Securities and Exchange Commission (SEC), nos Estados Unidos.

Maçã (Apple)

No dia 23, a documentação entregue apresentava porcentagens errôneas de votos de propostas de acionistas, já que abstenções foram contadas como “Não”. Pouco tempo depois, a empresa ficou sabendo da avaliação incorreta e uma investigação interna confirmou que o erro foi humano, o qual a Apple lamenta.

Com as modificações entregues hoje e os votos contados corretamente, a proposta de Nº 5 dos acionistas acerca de votos consultivos sob compensação — também conhecida como “Say on Pay” — foi aprovada. Em outras palavras, a proposta permite que qualquer acionista tenha um voto de recomendação no que tange aos salários de altos executivos.

A questão tem sido acompanhada de perto pelo comitê de compensações da diretoria da Apple, que antecipa que leis ou regulamentações exigirão algum tipo de formulário de votos “Say on Pay” de todas as companhias públicas norte-americanas num futuro próximo. Independente disso, a Apple já implementará a medida no ano que vem.

Posts relacionados

Comentários