Apple é processada por adaptadores MagSafe defeituosos

A Apple está sendo processada por causa dos adaptadores de energia MagSafe presentes nos MacBooks (60 watts) e MacBooks Pro (85 watts). Segundo os registros do processo aberto na corte de São José, Califórnia (Estados Unidos), a Maçã está negligenciando um defeito de fabricação em sua linha de adaptadores, que pode causar rompimento e aquecimento, podendo até produzir faíscas e fogo em seu cabo.

Adaptador MagSafe danificado

Segundo a acusação, a Apple está ciente dos problemas em seu adaptador há mais de três anos, mas pouco fez para resolver os problemas causados. Como já sabemos, ela tentou corrigir o defeito alongando um pouco o tubo que protege a conexão com o adaptador e, posteriormente, concordou em substituir os adaptadores que apresentassem algum problema, em suas lojas ou assistência técnicas.

A acusação afirma que nenhuma das providências tomadas pela firma de Cupertino resolveram os problemas. Muitos dos usuários que procuraram a troca dos adaptadores por um modelo novo não conseguiram realizá-la, sendo obrigados a comprar um novo. O processo ainda lista diversos casos relatados sobre os defeitos apresentados, incluindo até mesmo tópicos nos próprios fóruns de suporte da Apple.

O processo pede que a companhia forneça um novo adaptador seguro ou, caso não consiga produzir um, restitua o valor completo dos notebooks comprados — isso seria válido para qualquer pessoa que comprou um MacBook ou MacBook Pro. Ainda não se sabe quais as chances de isso acontecer, mas o mais provável é que os advogados do pomar consigam chegar a algum acordo privado, sem que haja um julgamento.

[Via: The Register.]

Posts relacionados

Comentários